sicnot

Perfil

Mundo

Enfermeira italiana terá matado doentes com dose elevada de anticoagulante

Uma enfermeira foi detida hoje em Piombino, Itália, suspeita de ter matado 13 pacientes. A mulher terá dado aos doentes doses elevadas de um medicamento anticoagulante, provocando hemorragias.

O capitão da polícia italiana Gennaro Riccardi mostra um frasco com heparina, substância que terá sido usada pela enfermeira.

O capitão da polícia italiana Gennaro Riccardi mostra um frasco com heparina, substância que terá sido usada pela enfermeira.

FRANCO SILVI/EPA

Os doentes, entre os 61 e os 88 anos, foram alegadamente mortos pela enfermeira em 2014 e 2015 no hospital da cidade de Piombino, na Toscana, centro de Itália.

A enfermeira é acusada de ter dado às vítimas até 10 vezes a dose recomendada do medicamento, utilizado para prevenir a coagulação sanguínea, incluindo em casos em que não tinha sido receitado aos doentes.

O resultado, segundo a polícia, foi provocar várias e irreversíveis hemorragias internas que mataram as alegadas vítimas.

A profissional de saúde foi detida após uma avaliação de todas as recentes mortes suspeitas no hospital a ter identificado como a única funcionária presente em todos os casos.

A polícia disse ainda que a mulher tinha recebido tratamento para uma depressão.

Com Lusa

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.