sicnot

Perfil

Mundo

Ministra italiana demite-se após acusações de favorecimento do noivo

A ministra do Desenvolvimento Económico de Itália, Federica Guidi, apresentou hoje a demissão por causa do alegado tráfico de influências para favorecer o seu noivo e as suas empresas no setor petrolífero.

© Remo Casilli / Reuters

Federica Guidi comunicou, em comunicado, a sua decisão ao primeiro-ministro, Matteo Renzi, e recusou as acusações ao assegurar a sua "boa-fé e a forma como trabalhou" no Governo italiano.

"Considero necessário, por uma questão de oportunidade política, apresentar a minha demissão como ministra. Foram anos de um esplêndido trabalho. Continuarei como cidadã e empresária a trabalhar para o bem do nosso maravilhoso país", acrescentou.

A ministra reagiu assim a notícias que asseguraram que o Ministério Público está a investigar o seu noivo por alegadamente ter beneficiado da sua relação com Federica Guidi.

Lusa

  • Esquerda desce, direita sobe
    1:19
  • Ministério Público já tem fita do tempo do surto de legionella
    2:19