sicnot

Perfil

Mundo

Vitamina D faz bem ao coração, dizem investigadores

Uma dose diária de vitamina D melhora a função cardíaca em pessoas com insuficiência cardíaca crónica. A conclusão é dos investigadores da Universidade de Leeds, Reino Unido.

Uma dose diária de vitamina D melhora a função cardíaca em pessoas com insuficiência cardíaca crónica

Uma dose diária de vitamina D melhora a função cardíaca em pessoas com insuficiência cardíaca crónica

© Francois Lenoir / Reuters

"São resultados impressionantes", dizem os investigadores responsáveis pelo estudo, durante a sua apresentação na 65.ª Reunião Anual do Colégio Americano de Cardiologia, em Chicago, Estados Unidos.

"Esta é a primeira evidência de que a vitamina D pode melhorar a função cardíaca de pessoas com insuficiência cardíaca. Estas descobertas podem fazer uma diferença significativa no atendimento dos pacientes com este problema", diz o responsável pelo estudo, Klaus Witte, da Faculdade de Medicina e cardiologista consultor do "Leeds Teaching Hospitals NHS Trust".

O estudo envolveu mais de 160 pacientes em Leeds que já estavam a ser tratados para a insuficiência cardíaca com betabloqueadores, inibidores da ECA e tratamentos de pacemakers.

Durante um ano um grupo tomou vitamina D, outro placebo.

Numa pessoa saudável, o coração bombeia eficazmente entre 60 a 70% das vezes. Em pacientes com insuficiência cardíaca é de 26%. O coração não consegue bombear sangue suficiente para satisfazer as necessidades do organismo, provocando falta de ar e inchaço nos tornozelos.

Nos 80 pacientes que tomaram vitamina D, esta função melhorou. de 26% passou para 34%.
Nos restantes não houve alterações.

A insuficiência cardíaca afeta mais de 23 milhões em todo o mundo e pode afetar pessoas de todas as idades, mas é mais comum em idosos.

A Fundação de Cardiologia do Reino Unido é prudente. Defende mais estudos sobre este efeito e mais tempo para avaliar os suplementos vitamínicos em causa.

  • DIRETO: Célula terrorista preparava grande atentado na Catalunha

    Ataque em Barcelona

    Uma das vítimas mortais do atentado em Barcelona era de Lisboa e há uma outra portuguesa, a sua neta, desaparecida. A polícia procura quatro jovens e há outras quatro detenções confirmadas. Os autores dos ataques na Catalunha, que mataram 14 pessoas e feriram 140, pertenciam ao mesmo grupo. Siga aqui as últimas informações, ao minuto.

    Em atualização

  • Vídeo mostra passagem da carrinha a alta velocidade nas Ramblas
    0:33
  • O momento em que os suspeitos foram abatidos em Cambrils
    2:35

    Ataque em Barcelona

    Em Cambrils, também na Catalunha, foram mortos cinco alegados terroristas que atropelaram várias pessoas, uma morreu e seis ficaram feridas, quando escapavam a uma perseguição policial, esta madrugada. As autoridades investigam uma eventual relação entre os dois atentados. Nota: chamamos à atenção para a violência das imagens, que podem chocar os espetadores mais sensíveis.

  • Nível de ameaça terrorista em Portugal continua moderado
    1:31

    Ataque em Barcelona

    O primeiro-ministro garantiu hoje que, para já, o nível de ameaça terrorista em Portugal não vai ser alterado (o nível está no 4 em 5). Já o Presidente da República disse que não há tolerância possível e garante que há medidas preparadas caso o mesmo cenário venha a acontecer em Portugal.

  • Vento e calor provocam reacendimentos em Mação
    1:55

    País

    As temperaturas altas e o vento forte estão a provocar reacendimentos em Mação. No terreno mantêm-se cerca de 800 bombeiros, numa altura que que há receio que as chamas voltem a ficar ativas, como explica o repórter Rui Carlos Teixeira.