sicnot

Perfil

Mundo

Youtube diz que 80% do tráfego da internet em 2019 será gerado por vídeos

Oitenta por cento do tráfego da Internet em 2019 será gerado por vídeos, o que põe em evidência a importância das empresas desenvolverem uma boa estratégia sobre este 'media', considerou hoje a plataforma Youtube.

© Lucy Nicholson / Reuters

Para obter êxito, é necessário criar conteúdos adaptados às audiências de cada país, oferencedo-lhes "o que realmente querem ver", sublinhou hoje a responsável pelos conteúdos do Youtube, Susan Agliata, na MIPTV, feira internacional a decorrer em Cannes até quinta-feira.

Para Susan Agliata, o consumo de vídeo tounou-se "mais pessoal", já que 50% dos vídeos disponíveis na Internet são visíveis em telemóveis inteligentes e os utilizadores destas tecnologias têm duas vezes mais possibilidades de se sentirem em sintonia com o conteúdo do que os espetadores de televisão.

Além de identificar as paixões da comunidade de subscritores no Youtube, a mesma responsável acrescentou que as companhias devem explorar nichos de mercado em que haja procura sem suficiente oferta de vídeos.

Exemplificou com as demonstrações de habilidades desportivas, que constituem um espaço com possibilidades de crescimento na área do futebol.

"Cria conteúdos que os teus seguidores queiram ver e não o que gostavas de ver", recomendou Susan Agliata.

Durante os quatro dias da feira, a organização estima que visitem o certame 11.000 pessoas, incluindo 4.000 compradores internacionais atentos às novidades e tendências do setor.

Lusa

  • O mais sério aviso de Marcelo Rebelo de Sousa ao Governo
    3:15
  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • O sorriso de Jorge Jesus quando soube que o símbolo da Juventus mudou
    1:21

    Desporto

    A Juventus surpreendeu grande parte do mundo do futebol quando alterou completamente o emblema. Agora, o símbolo faz lembrar as iniciais do nome do treinador do Sporting. Jorge Jesus não sabia, mas ficou esta terça-feira a saber e parece ter gostado. O técnico de Alvalade regressa quarta-feira ao estádio da equipa italiana, que conhece muito bem.