sicnot

Perfil

Mundo

Polícia atira contra o chão adolescente de 12 anos e é suspenso

Polícia atira contra o chão adolescente de 12 anos e é suspenso

O vídeo está a chocar os EUA. Um agente da polícia do Texas foi filmado a atirar contra o chão uma jovem de 12 anos. A adolescente fez ferimentos na cabeça e o polícia foi suspenso.

A polícia do Texas foi chamada a uma escola para ajudar a por termo a uma briga entre dois adolescentes.

O vídeo, registado por um colega da escola, mostra uma das jovens ser agarrada pelo polícia que a atira contra o chão. Depois o agente algema-a. Ouvem-se os colegas a perguntar: "Janissa, estás bem?"

A adolescente de 12 anos foi entretanto suspensa da escola. De acordo com a mãe, Gloria Valdez, a queda provocou-lhe ferimentos na cabeça. Entrevistada pela imprensa local, reconheceu que a filha tem problemas de comportamento.

O agente em causa foi afastado de funções mas com remuneração.

  • Ricardo Salgado constituído arguido no processo EDP

    País

    Ricardo Salgado foi constituído arguido no processo EDP. Uma notícia confirmada pela defesa do antigo banqueiro. A defesa de Ricardo Salgado diz ser falsa e despropositada a tese do Ministério Público e nega que o banqueiro tenha participado num suposto ato de corrupção em benefício do GES e da EDP.

  • Quase 200 queixas por dia sobre serviços de saúde em 2017
    1:46

    País

    Foram apresentadas, em 2017, quase 200 queixas por dia sobre o funcionamento dos serviços de saúde públicos e privados. As questões administrativas e os tempos de espera foram as principais razões das mais de 70 mil reclamações recebidas pela Entidade Reguladora da Saúde.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • O projeto pioneiro que apoia crianças com doenças incuráveis
    3:30

    País

    A única unidade de cuidados paliativos pediátricos do país situa-se em São Mamede de Infesta. Inaugurado há quase dois anos, pelo Kastelo, há passaram 68 crianças com doenças incuráveis. A instituição lançou agora uma campanha de donativos para construir um parque aquático.