sicnot

Perfil

Mundo

Polícia turca desmantela célula de militantes curdos que preparavam atentado

A polícia turca desmantelou, na província de Bolu, uma célula de militantes curdos que estavam na posse de explosivos e de coletes usados em atentados suicidas, noticia hoje a agência de notícias Dogan.

(Arquivo/Reuters)

(Arquivo/Reuters)

Reuters

As mesmas informações davam conta da detenção de sete membros do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, na sigla original) no âmbito da investigação sobre um atentado suicida.

A polícia descobriu ainda duas pistolas, quatro engenhos explosivos, duas kalashnikov e dois coletes.

As detenções ocorreram três dias depois de a polícia ter matado dois suspeitos de serem membros do PKK nesta província localizada a meio caminho entre Istambul e Ancara.

A Turquia vive há meses em estado de alerta devido a uma série de ataques atribuídos ao grupo Estado Islâmico e/ou ligados ao conflito curdo, tendo quatro atentados causado 79 mortes em 2016 nas duas principais cidades daquele país.

Em fevereiro e março, dois atentados com viaturas armadilhadas causaram 29 e 35 mortos, respetivamente, bem como dezenas de feridos no centro da capital turca.

No sábado, a embaixada dos Estados Unidos na Turquia alertou ter conhecimento de "ameaças credíveis" de terrorismo em áreas turísticas em Istambul e da estância balnear de Antália, aconselhando os cidadãos norte-americanos a cuidados redobrados.

O alerta da missão diplomática norte-americana na capital turca surgia um dia depois de Israel ter feito idêntico aviso, falando de um "iminente risco" de ataques e pedindo aos turistas israelitas que se encontrem de visita à Turquia para regressarem a casa.

A 19 de março, Istambul foi alvo de um atentado terrorista numa das principais ruas do comércio local, provocando a morte a quatro turistas estrangeiros, três deles israelitas, ataque suicida atribuído pelo Governo islâmico-conservador turco ao grupo Estado Islâmico (EI).

A 10 de outubro de 2015, o EI reivindicou o ataque terrorista mais mortífero na capital turca, que provocou a morte a 103 pessoas que participavam numa manifestação pró-curda em Ancara.

Lusa

  • "O que mais tem havido nesta altura são respostas precipitadas"
    7:21

    Opinião

    Foi um "debate contigo" o de hoje, no Parlamento, sobretudo no frente-a-frente entre António Costa e Passos Coelho, na opinião de Bernardo Ferrão. O subdiretor de informação da SIC sublinha uma declaração "mortal" do primeiro-ministro, quando este disse que "ninguém quer respostas precipitadas". Por outro lado, a comissão técnica independente pedida pelo PSD pode virar-se contra o próprio partido.

    Bernardo Ferrão

  • Fuzileiros continuam no terreno a ajudar população
    3:03
  • Cozido ou empanadas chilenas para o jantar?
    5:20

    Taça das Confederações

    Portugal e Chile defrontam-se esta quarta-feira em jogo das meias-finais da Taça das Confederações. O jornalista Gonçalo Azevedo Ferreira fala sobre as previsões da imprensa chilena para o encontro, revela alguns dados sobre as presenças de Portugal e Chile em grandes competições e mostra, através das redes sociais, o lado mais descontraído da antevisão deste duelo.

  • Portugal vai pagar 3.500 milhões ao FMI até agosto
    1:18

    Economia

    Portugal vai pagar, até agosto, 3.500 milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional. Mil milhões seguem já na sexta-feira. A antecipação do pagamento foi esta quarta-feira formalmente autorizada pelos parceiros e credores europeus.

  • Trump volta a criticar as chamadas "fake news"

    Mundo

    O Presidente norte-americano voltou a criticar aquilo a que chama de "fake news", em português "notícias falsas". Através da rede social twitter, Donald Trump diz que o jornal New York Times "nem sequer liga para verificar os factos e que, por isso, dá notícias falsas".

  • Família Obama de férias na Indonésia

    Mundo

    Das águas claras de Bali aos encantos dos templos de Java, o antigo Presidente norte-americano Barack Obama levou a esposa e as filhas de férias numa aventura de (re)descobertas por um país onde Obama viveu durante quatro anos da sua infância.

    SIC

  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44
  • Desacatos no aeroporto de Faro deixam turistas britânicos em terra
    1:46

    País

    Cinco pessoas, que integravam o grupo de turistas britânicos que nos últimos dias causou desacatos em Albufeira, foram ontem impedidas de regressar a Inglaterra. Agressões no aeroporto e desacatos à entrada do avião levaram os comandantes de dois voos a recusar levar aqueles passageiros.