sicnot

Perfil

Mundo

Boko Haram utiliza cada vez mais crianças para atentados suicidas

O número de crianças utilizadas para ataques suicidas na região do Lago Chade, onde atua o grupo radical islâmico nigeriano Boko Haram, aumentou 10 vezes em 2015, segundo as estimativas da Unicef.

© Afolabi Sotunde / Reuters

Das quatro crianças utilizadas em ataque em 2014, passaram a 44 no ano seguinte, e mais de 75% são raparigas, revelam os dados compilados pela Unicef na Nigéria, nos Camarões, no Chade e no Níger, apresentados no relatório "Beyond Chibok - Para lá de Chibok".

"Sejamos claros: estas crianças são vítimas, não são autores de crimes," sublinha Manuel Fontain, diretor regional da Unicef para a África Central e Ocidental. "Ludibriar crianças e forçá-las a praticar atos mortais tem sido um dos aspetos mais aterradores da violência na Nigéria e nos países vizinhos", lamenta.

Desde janeiro de 2014, foram registados no norte dos Camarões numerosos atentados suicidas, 21 cometidos por crianças. Na Nigéria as crianças foram usadas em 17 ataques e no Chade em 2.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52