sicnot

Perfil

Mundo

Obama defende igualdade salarial entre homens e mulheres

O Presidente dos Estados Unidos Barack Obama defendeu hoje a igualdade salarial entre homens e mulheres, que reconheceu estar longe de adquirida, definindo-a como um "princípio fundamental da nossa economia".

© Kevin Lamarque / Reuters

"A trabalho igual salário igual. É uma ideia simples (...) mas é uma ideia que ainda não conseguimos aplicar", declarou Obama no decurso do Dia da igualdade salarial.

"Hoje, em média, uma mulher que trabalha a tempo inteiro ganha 79 cêntimos enquanto o homem ganha um dólar. E a diferença ainda é mais acentuada para uma mulher negra", acrescentou durante uma cerimónia onde a Sewall-Belmont House, uma casa em Washington que acolheu o Partido Nacional da Mulher (NWP), foi designada monumento nacional.

Este partido foi fundado pela militante Alice Paul, uma sufragista que ao longo do século XX se bateu "pela igualdade política, social e económica das mulheres nos Estados Unidos e também através do mundo", segundo o decreto assinado pelo Presidente norte-americano e destinado a proteger esta casa.

"Quero que os rapazes e raparigas venham aqui nos próximos 10, 20, 100 anos, para se recordarem que as mulheres se bateram pela igualdade", assinalou.

A candidata democrata Hillary Clinton, que em janeiro poderá tornar-se na primeira mulher a assumir a presidência dos Estados Unidos, elegeu a igualdade salarial como um dos seus temas de campanha.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.