sicnot

Perfil

Mundo

Site pornográfico bloqueia utilizadores da Carolina do Norte

Um site pornográfico está a recusar o acesso dos utilizadores da Carolina do Norte. É a resposta do xHamster à recente legislação, aprovada naquele Estado, promove a discriminação de homossexuais e transexuais.

reuters

"Passámos os últimos 50 anos a lutar pela igualdade de todos e estas leis são discriminatórias, e isso o xHamster não tolera. A julgar pelo que vocês, da Carolina do Norte vêem, achamos que este é um castigo severo. Nós não colaboraremos nem tiraremos proveito de um sistema que promove este tipo d elixo. Respeitamos todas as sexualidades", declarou Mike Kulich, porta-voz do xHamster.com.

O governador do Estado da Carolina do Norte, Pat McCrory, aprovou a legislação que impede os transsexuais de frequentarem as casas de banho públicas do género com que se identificam.

A lei retira direitos civis da comunidade LGBT. Grandes empresas, como estúdios de Hollywood, ameaçaram nas últimas semanas realizar boicotes ao Estado.

O site xHamster vem juntar-se a uma lista de empresas e de figuras públiccas que recusam qualquer tipo de ligação àquele Estado.

No domingo, Bruce Springsteen cancelou um concerto, em protesto contra a lei. O mesmo fez Bryan Adams.

A semana passada, o serviço de pagamento online PayPal anunciou que não irá abrir um escritório em Charlotte, maior cidade da Carolina do Norte, que previa 400 postos de trabalho, também devido à legislação.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52