sicnot

Perfil

Mundo

Mais um adolescente negro morto nos EUA após perseguição policial

Um adolescente negro de 16 anos morreu durante uma perseguição pela polícia de Chicago (EUA), depois de agentes terem parado a viatura em que viajava devido à suspeita do seu envolvimento num tiroteio.

© Jim Young / Reuters

A polícia confirmou que uma pessoa morreu na segunda-feira, mas não revelou a identidade da vítima, que foi identificada pelo jornal Chicago Tribune como um afroamericano de 16 anos.

Os agentes intercetaram a viatura em que o jovem seguia na tarde de segunda-feira, ao reconhecer que este teria estado envolvido num tiroteio no passado, mas durante a identificação o jovem escapou e foi iniciada uma perseguição, a pé, que terminou num confronto entre o suspeito e a polícia.

Um agente disparou contra o adolescente, que foi transportado para o hospital, onde morreu.

O agente também não foi identificado, mas a polícia informou que foi afastado das suas funções enquanto o caso é investigado.

A comunidade afroamericana e os corpos de polícia dos Estados Unidos têm vivido em tensão nos últimos anos, após os protestos massivos em todo o país pelas mortes dos negros Michael Brown, em Ferguson (Missouri), Eric Garner, em Nova Iorque, e Freddie Gray, em Baltimore (Maryland).

Lusa

  • Médicos e ministro da Saúde voltam hoje às negociações

    País

    O Ministério da Saúde deverá apresentar uma proposta que poderá ser decisiva para a convocação ou não de uma nova greve. O Sindicato Independente dos Médicos e a Federação Nacional de Médicos tinham anunciado, no dia 11 de agosto, que vão realizar uma greve de dois dias na primeira semana de outubro, se a nova proposta negocial não levar em conta o que reivindicam.

  • PJ de Portimão deteve italiano foragido
    0:55

    País

    A Polícia Judiciária de Portimão deteve em Lagos um homem italiano que aguardava extradição. O antigo piloto de automóveis esteve foragido durante quase um ano, depois de ter cortado a pulseira eletrónica.