sicnot

Perfil

Mundo

Papa leva três famílias de refugiados para Roma

De regresso ao Vaticano depois de uma visita a Lesbos, na Grécia, o Papa Francisco levou para Roma 12 refugiados sírios, entre os quais seis crianças.

© POOL New / Reuters

© POOL New / Reuters

© POOL New / Reuters

© POOL New / Reuters

São três famílias muçulmanas, que estavam nos campos de acolhimento da ilha grega, visitados por Francisco esta manhã. Viviam em Damasco e Deir Azzor, zona ocupada pelo Daesh, e viram as casas bombardeadas antes de deixarem a Síria.

O porta-voz do Vaticano diz que se trata de um gesto simbólico de acolhimento em relação aos refugiados.

Numa primeira fase serão acolhidos pela comunidade de Santo Egídio, em Roma.

  • Proteção Civil passa a ter Secretaria de Estado
    1:13

    País

    O Governo criou uma nova Secretaria de Estado da Proteção Civil, que vai ser liderada por José Artur Tavares Neves. Esta é a principal novidade da remodelação governamental que envolve quatro Secretários de Estado, dois deles foram reconduzidos nos cargos.

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC