sicnot

Perfil

Mundo

Estudante norte-americano gastou bolsa de estudo numa viagem à Tailândia

Brandon Lerry usou o dinheiro da bolsa de estudo que recebeu numa viagem à Tailândia com a namorada. A história é contada num vídeo publicado pelo rapaz na Internet e que deixou muitos utilizadores furiosos.

facebook.com/ourvisualescape

facebook.com/ourvisualescape

facebook.com/ourvisualescape

Lerry estuda Cinema na Santa Monica College, uma universidade pública em Santa Mónica, na Califórnia.

A escola ofereceu-lhe uma bolsa de estudo no valor de 2500 dólares (cerca de 2200 euros) para gastar em livros e material escolar.

No entanto, quando recebeu a ajuda financeira decidiu que uma viagem com a namorada, que nunca tinha saído do país, seria uma melhor forma de gastar o dinheiro.

O vídeo intitulado "How I Spent My Financial Aid Like a Boss" ("Como Gastei A Minha Ajuda Financeira Como Um Chefe") dura quatro minutos e mostra a viagem de dez dias do estudante e da namorada, Natalie, à Tailândia.

O vídeo publicado no Facebook do estudante já ultrapassou as 110 mil partilhas e mais de 60 mil pessoas comentaram, algumas delas deixaram comentários nada simpáticos.

Muitos dos utilizadores esperam que Brandon Lerry seja acusado de fraude.

O casal voltou a usar o Facebook para apaziguar os ânimos ao explicar que o estudante de cinema não precisava de livros.

Natalie explicou ainda que o namorado pata além de estudar a tempo inteiro, é condutor da Uber e estagiário em part-time e, que ela é empregado num bar.

Além disso, a rapariga de 21 anos ainda fez questão de frisar que os dois deixaram de sair todos os fins de semana e de comer fora para poupar dinheiro.

  • Obama acredita que Guterres será um bom líder da ONU
    0:53

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar de perto com os Estados Unidos na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido esta sexta-feira por Barack Obama, na Casa Branca, onde foi elogiado pelo ainda Presidente.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.