sicnot

Perfil

Mundo

Dinossauros já estavam condenados antes do impacto de asteroide

Os dinossauros já estavam em declínio 50 milhões de anos antes de impacto dos asteroides que acabou por extingui-los, revela um novo estudo.

© Charles Platiau / Reuters

Pela análise de fósseis, paleontólogos britânicos determinaram que os dinossauros já estavam em declínio por não se adaptarem às alterações climáticas. A espécie começou por evoluir muito depressa há 231 milhões de anos mas, há 160 milhões de anos, as condições começaram a mudar e, há 120 milhões de anos, o número de dinossauros começou a diminuir.

"Apesar de ter sido extintos pelo impacto do asteroides, eles já estavam a desaparecer cerca de 50 milhões de anos antes", afirmou à BBC Manabu Sakamoto, paleontólogo da Universidade de Reading, no Reino Unido, um dos autores do estudo publicado em Proceedings of the National Academy of Sciences.

O declínio começou por ser mais evidente nos gigantes saurópodes, enquanto os terópodes - o grupo de dinossauros que inclui o icónico Tyrannosaurus rex - diminuíram mais lentamente.

"A teoria em vigor é a de que os dinossauros habitavam a Terra até ao exacto momento do impacto [do asteroide] e que foi esse impacto que levou à sua extinção", disse à BBC o co-autor do estudo Chris Venditt. "Até certo ponto é correcto, mas descobrimos que o declínio começou muito antes".

Este biólogo da evolução acredita que os dinossauros estavam assim mais susceptíveis às alterações provocadas pelo impacto do asteroide. "Se eles ainda estivessem no seu auge, talvez conseguissem sobreviver", refere o cientista.

  • Principais factos da acusação no caso BPN dados como provados

    País

    O coletivo de juízes responsável pelo julgamento do processo principal do caso BPN, liderado por Luis Ribeiro, deu início à leitura do acórdão pelas 10:30, com quatro arguidos ausentes do tribunal, entre os quais Oliveira Costa. Os principais factos da acusação são dados como provados, mas a leitura deverá demorar algumas horas

  • Autódromo do Estoril está ilegal há 45 anos

    Desporto

    De acordo com o Público este equipamento desportivo, inaugurado na década de 70, não tem licença de construção nem de utilização. Uma notícia que apanhou de surpresa o executivo camarário de Cascais, liderado por Carlos Carreiras.

  • Seca na Bacia do Sado exige restrições ao uso da água no Alentejo

    País

    A Agência Portuguesa do Ambiente aprovou hoje um conjunto de medidas para gestão dos recursos hídricos, definindo medidas específicas para a bacia hidrográfica do Sado, a única que se encontra em situação de seca. Além da diminuição de regas em hortas e jardins, a APA recomenda o encerramento das fontes decorativas, a proibição de encher piscinas e de lavagem de automóveis.

  • Sérgio Monteiro diz que proposta da Lone Star era a única viável
    0:35

    Economia

    Sérgio Monteiro diz que a proposta da Lone Star para comprar o Novo Banco era a única viável. Ouvido no Parlamento e em resposta ao PSD, o consultor que trabalhou com o Banco de Portugal durante o processo admite, no entanto, que há uma condição que pode inviabilizar o negócio.