sicnot

Perfil

Mundo

Forte explosão no centro de Cabul em bairro densamente povoado

A forte explosão de hoje de manhã no centro de Cabul, em plena hora de ponta, ocorreu num bairro densamente povoado, próximo de vários complexos militares, segundo disse a polícia à AFP. Ainda não há confirmação sobre eventuais vítimas da detonação, mas as autoridades admitem a existência de várias vítimas mortais. A explosão fez tremer janelas a várias milhas de distância e gerou uma densa nuvem de fumo.

© Omar Sobhani / Reuters

A explosão acontece uma semana depois de os talibãs anunciarem o início da sua "ofensiva de primavera".

Até ao momento nenhum grupo reivindicou o ataque.

Na passada terça-feira, os talibãs afegãos anunciaram o início da sua "ofensiva de primavera", apesar dos esforços do Governo de Cabul para trazer os insurgentes à mesa das negociações, com o objetivo de pôr um fim ao conflito.

Os talibãs alertaram que iriam "realizar ataques de larga escala contra posições inimigas em todo o país" durante a ofensiva apelidada de Operação Omari, em honra do fundador do movimento, Mullah Omar, cuja morte foi anunciada no ano passado.

A ofensiva anual de primavera dos talibãs assinala habitualmente o início da "época de combate", embora neste inverno o período de calma tenha sido mais curto e de terem continuado a combater as forças do Governo, ainda que com menor intensidade.

Com Lusa

  • Japão ganha nova esperança ao derrotar a Colômbia (2-1)

    Mundial 2018 / Colômbia

    No primeiro jogo do grupo H, a Colômbia foi derrotada pelo Japão. Um dos momentos altos do jogo aconteceu logo ao minuto 4 quando, na sequência de uma falta de Carlos Sanchez, o árbitro assinalou um penálti a favor da equipa japonesa. O colombiano levou um cartão vermelho, depois de ter intercetado um remate do Japão com a mão. Apesar da desvantagem numérica, a Colômbia iguala o marcador aos 39 minutos com um livre de Quintero. Contudo, Yuya Osako colocou o Japão novamente em vantagem aos 73 min.

  • Hospitais públicos à beira da rutura
    2:28
  • Repitam comigo: Portugal vai ser campeão do Mundo
    4:56
  • OMS inclui dependência dos videojogos na lista de doenças mentais

    Mundo

    A Organização Mundial de Saúde (OMS) incluiu a dependência de videojogos na lista de doenças mentais, uma possibilidade que tinha sido prevista no início do ano e que foi anunciada esta segunda-feira. Este pode ser mais um argumento para os pais limitarem o tempo de acesso dos filhos às consolas, computadores e todos os dispositivos com videojogos.

    SIC

  • "Estou a ser posta porta fora (...) faço o que vocês me disserem"
    2:43