sicnot

Perfil

Mundo

Pato volta a andar graças a patas 3D

Pato volta a andar graças a patas 3D

Philip, o pato, perdeu as duas patas devido a queimaduras provocadas pelo gelo. Foi resgatado e graças a um grupo de alunos de uma escola secundária, no Wisconsin, Estados Unidos, ganhou nova vida e duas próteses feitas numa impressora 3D.

Philip perdeu as duas patas devido a queimaduras provocadas pelo gelo. Foi resgatado do lago, onde vivia, por Vicki Rabe-Harrison, uma norte-americana do Wisconsin.

Inconformada com o facto de o Philip não conseguir andar, decide contactar a Escola Secundária de South Park, depois de ter visto vários vídeos sobre impressoras 3D.

Professor e alunos aceitaram o desafio e seis semanas depois estavam feitas as próteses.

No início não foi fácil, mas Philip já se adaptou.

Já está a caminho de santuário de animais no norte de Milwaukee, o Autumn Farm Sanctuary.

  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28
  • Euforia e preocupação no Santiago de Bernabéu
    3:02
  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57