sicnot

Perfil

Mundo

Maior ajuda humanitária foi entregue na Síria desde o início da guerra

O maior comboio de ajuda humanitária enviado para a Síria desde o início da guerra, em 2011, chegou hoje a Rastane, uma cidade rebelde cercada pelas forças governamentais, divulgou o Comité Internacional da Cruz Vermelha.

© Bassam Khabieh / Reuters

Organizado pela Cruz Vermelha Internacional e pelo Crescente Vermelho, o comboio, composto por 65 camiões, levou kits de alimentos, medicamentos e equipamentos médicos.

Rastane, onde estão cerca de 120.000 pessoas, está situada no centro da Síria e sitiada pelas forças governamentais desde 2012.

A última vez que aquela cidade recebeu ajuda humanitária foi em 2012.

"Este foi o maior comboio humanitário que organizamos até agora para a Síria", disse, em Damasco, Pawel Krysiek, porta-voz da Cruz Vermelha Internacional.

O mediador da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, disse hoje que houve um progresso "modesto, mas real" na entrega de ajuda humanitária.

Segundo Staffan de Mistura, mais de 560 mil pessoas presas em áreas sitiadas ou remotas receberam ajuda desde o início do ano, incluindo mais de 100.000 nas últimas duas semanas.

"Há progressos modestos, mas reais no que concerne à ajuda humanitária", disse, mas, sublinhou, que ainda não é suficiente.

Lusa

  • Circulação retomada na A23, mais de 1.600 operacionais no combate às chamas

    País

    A circulação rodoviária na A23 foi completamente restabelecida ao início da manhã depois de ter estado cortada por causa dos incêndios que, no total, mobilizam mais de 1.600 operacionais e contam com reforço espanhol. Nos vários fogos que atingem o país estão 1.648 operacionais no terreno, apoiados por mais de 500 viaturas e 15 meios aéreos.

  • Marcelo lembra ditadura para deixar elogios à liberdade de imprensa e separação de poderes
    0:29
  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26

    País

    O candidato do PSD à Câmara Municipal de Loures, André Ventura, foi entrevistado esta terça-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. Em análise, a polémica em torno das declarações do candidato sobre a comunidade cigana.

    Entrevista SIC Notícias

  • Rajoy nega conhecimento de financiamentos ilegais no PP

    Mundo

    O primeiro-ministro espanhol negou hoje ter conhecimento de um esquema ilegal de financiamento, que envolve vários responsáveis do Partido Popular (PP, direita), que lidera. Durante uma audição no tribunal, Mariano Rajoy garantiu ainda que não aceitou nenhum pagamento ilícito.