sicnot

Perfil

Mundo

Oito pessoas da mesma família mortas no Estado norte-americano de Ohio

Oito pessoas da mesma família, incluindo um menor, morreram hoje num tiroteio no condado de Pike, Ohio, Estados Unidos, e o autor ou autores do massacre estão em paradeiro desconhecido e possivelmente armados, informaram as autoridades locais.

John Minchillo

Todas as vítimas pertencem à família Rhoden e morreram com um tiro na cabeça, alguns enquanto dormiam, segundo explicou, em conferência de imprensa, o procurador-geral do estado, Mike DeWine.

Nenhuma das pessoas mortas se suicidou e também não foram detidas pessoas até ao momento.

As autoridades consideram que o autor ou autores do tiroteio fugiram possivelmente armados e representam perigo para a comunidade e, sobretudo, para o resto dos membros da família.

Os únicos sobreviventes do tiroteio foram três crianças de quatro dias, seis meses e três anos, informou o xerife do condado, Charles Reader.

As forças de segurança trabalharam desde o início da manhã em quatro cenários diferentes, todos situados num rancho de 48 quilómetros.

"Algumas das mortes ocorreram durante a noite porque algumas vítimas estavam na cama. Uma mãe foi morta com o filho ao lado", relatou o procurador-geral.

Apesar de inicialmente informações darem conta que havia crianças mortas, o xerife explicou que a única vítima menor tem 16 anos.

O xerife e o procurador-geral apelaram às pessoas daquela zona rural no sul do Ohio para terem extrema precaução e não saírem de casa devido à "grande possibilidade" de haver várias pessoas armadas e "extremamente perigosas" dispostas a matar.

"Pedimos para não entrarem em pânico, mas devem ter cuidado, sobretudo, os restantes membros desta família", disse o procurador-geral.

As autoridades desconhecem para já quais as razões do massacre e, de momento, não dispõem de mais informações.

Lusa

  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01