sicnot

Perfil

Mundo

Obama apela para China aumentar pressão sobre Coreia do Norte

O presidente norte-americano, Barack Obama, apelou hoje para a China aumentar a pressão sobre a Coreia do Norte, depois de mais um teste militar "provocador".

© Kevin Lamarque / Reuters

Em declarações à chegada a Hanôver para uma visita oficial à Alemanha de dois dias, e pouco depois do líder norte-coreano, Kim Jonj-un, ter considerado como um "enorme sucesso" o lançamento no sábado de um míssil balístico a partir de um submarino, Obama afirmou que "a Coreia do Norte continua a manifestar um comportamento provocador".

"Nós cultivámos a cooperação com a China para colocar pressão sobre a Coreia do Norte. Ainda assim, essa cooperação não está exatamente onde gostaríamos que estivesse", acrescentou o chefe de Estado norte-americano.

O teste de sábado foi o último numa série de testes levados a cabo pela Coreia do Norte e foi realizado poucas horas depois de Pyongyang ter oferecido uma moratória unilateral sobre novos testes nucleares militares, se os Estados Unidos suspenderem também o apoio militar anual à Coreia do Sul.

Em reação à proposta, Obama disse hoje que Washington "não leva a sério uma promessa de que vão parar apenas até à próxima vez que decidirem fazer um novo teste".

O presidente acrescentou que um eventual progresso apenas será possível se a Coreia do Norte mostrar vontade de colocar um ponto final ao seu programa de armamento nuclear.

Esta escalada das tensões ocorre numa altura em que a Coreia do Norte se prepara para um congresso do partido único no poder no início de maio, o primeiro em 36 anos.

Vários observadores preveem que o presidente Kim Jong-un vá valorizar os sucessos do programa nuclear militar norte-coreano e que, neste contexto, Pyongyang venha a realizar o seu quinto ensaio nuclear antes da abertura do congresso.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22