sicnot

Perfil

Mundo

Obama intensifica alerta sobre possível saída do Reino Unido da UE

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Barack Obama, reforçou o alerta de que a Grã-Bretanha (GB) pode diminuir a sua influência global se sair da União Europeia, advertindo que um acordo comercial GB-EUA pode demorar dez anos.

Numa entrevista à cadeia de televisão BBC, no final da visita do presidente norte-americano à Grã-Bretanha, Obama disse que esta terá "menos influência globalmente" se aprovar uma saída da União Europeia (EU) no referendo marcado para junho.

Sobre um acordo comercial entre a Grã-Bretanha e os EUA, Obama disse: "Pode ser daqui a cinco anos, dez anos a partir de agora, até sermos capazes de conseguir fazer alguma coisa".

"O Reino Unido não será capaz de negociar algo com os Estados Unidos mais rápido do que a UE," disse, adiantando que os EUA "não iriam abandonar os esforços para negociar um acordo comercial" com o seu maior parceiro comercial, "o mercado europeu".

Hoje, Obama continua a sua visita à Europa, com uma deslocação à Alemanha, onde se encontrará com a chanceler Angela Merkel, líder da maior economia europeia.

Lusa

  • Obama confia no desmantelamento do Daesh em menos de um ano
    2:03

    Mundo

    Barack Obama acredita que o Daesh será desmantelado em menos de um ano. Palavras do Presidente dos Estados Unidos no final de uma visita a Londres, onde defendeu a permanência do Reino Unido na União Europeia. Obama já está na Alemanha para se encontrar com a chanceler Merkel.

  • Obama quer Europa "forte, próspera e unida"

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Barak Obama, defendeu a necessidade de uma Europa "forte, próspera e unida" para enfrentar os desafios atuais, como a luta contra o terrorismo ou a gestão da crise internacional, numa entrevista hoje ao diário alemão Bild.

  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28
  • Euforia e preocupação no Santiago de Bernabéu
    3:02
  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57