sicnot

Perfil

Mundo

Serviços públicos na Venezuela abertos apenas dois dias por semana para poupar energia

Para poupar energia, os serviços públicos da Venezuela só estão abertos dois dias por semana. Às quartas, quintas e sextas-feiras e durante pelo menos duas semanas todos os serviços do Estado estão encerrados.

Às quartas, quintas e sextas-feiras e durante pelo menos duas semanas todos os serviços do Estado estão encerrados.

Às quartas, quintas e sextas-feiras e durante pelo menos duas semanas todos os serviços do Estado estão encerrados.

© Carlos Garcia Rawlins / Reute

O anúncio foi feito plo Presidente do país, Nicolas Maduro, mas não reúne consenso.

O racionamento da energia levou já a protestos em várias cidades do país.

Os manifestantes queixam-se dos sucessivos cortes de luz que duram mais do que as 4 horas diárias estipuladas pelo Governo.

  • Presidente da IPSS "O Sonho" garante que vai demitir-se
    0:57

    País

    A PJ de Setúbal fez esta sexta-feira buscas em três instituições de solidariedade social e em casas particulares ligadas à IPSS "O Sonho", por suspeitas de peculato de uso, fraude na obtenção de subsídios e falsificação de documentos. O presidente da associação nega as suspeitas e diz que está de "consciência tranquila". Florival Cardoso, que é o principal visado na investigação, fala sobre uma "caça às bruxas" e garante que vai demitir-se, porque considera que está a ser cometida uma "enorme injustiça".

  • "Situação humanitária dos civis em Ghouta é aterradora"
    0:49

    Mundo

    O enviado especial da ONU para a Síria lançou esta sexta-feira um novo apelo a um cessar-fogo. O responsável está particularmente preocupado com a situação da população civil e diz que é preciso evitar que se repita em Ghouta o que se passou em Alepo.

  • Instantes de uma noite de futebol europeu
    0:41
  • Não dá mais, Brasil!
    18:00