sicnot

Perfil

Mundo

Suspeito de matar 11 pessoas em Cabo Verde detido na PJ da Cidade da Praia

O militar suspeito de matar 11 pessoas em Cabo Verde encontra-se detido nas instalações da Polícia Judiciária (PJ) do país a aguardar decisão sobre se será ouvido em Tribunal civil ou militar.

O jovem suspeito de matar na segunda-feira 11 pessoas - oito militares e três civis, incluindo dois espanhóis - nas instalações do centro retransmissor de Monte Txota, no concelho de São Domingos, interior da ilha de Santiago, foi detido quarta-feira na cidade da Praia.

O soldado foi capturado no bairro da Fazenda graças à colaboração de um taxista, que depois de ter sido feito refém por cerca de três horas, conseguiu alertar a polícia, que chegou ao local cerca de 30 minutos depois e capturou o suspeito, militar há cerca de um ano.

O militar foi depois levado para a esquadra policial de Achada de Santo António, onde foi montado um enorme aparato de segurança, com a presença também de muitos populares.

Mais tarde, António Manuel Silva Ribeiro, mais conhecido por Entany, 22 anos, foi transferido para as instalações da Polícia Judiciária (PJ), no bairro de Achada Grande Frente, onde se encontra até agora a aguardar decisão sobre se será ouvido em Tribunal civil ou militar, o que deverá acontecer até ao final da tarde de sexta-feira.

Fonte das Forças Armadas de Cabo Verde adiantou à Lusa que, depois da captura do presumível autor do massacre, a prioridade agora é realizar os funerais dos soldados.

Quarta-feira foram realizadas os funerais de três dos oito soldados na ilha de Santiago, estando marcado para hoje as cerimónias fúnebres de três militares na cidade da Praia e dois na ilha de Santo Antão e do civil em São Vicente.

Todos os funerais terão honras militares e contarão com a presença do primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, que cancelou o Conselho de Ministros previsto para hoje.

Fonte da Polícia Nacional confirmou à Lusa que o posto militar de Monte Txota, que fica a cerca de 30 minutos de distância da cidade da Praia, já foi entregue à supervisão do Exército.

Quanto aos dois espanhóis também assassinados no posto, a Embaixada de Espanha em Cabo Verde indicou na sua página na rede social Facebook que já abriu um livro de condolências na secção consular e que está em contacto com os familiares para transladar os corpos para Espanha.

Lusa

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Guterres apela à Coreia do Norte para cumprir resoluções

    Mundo

    O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, apelou este sábado ao ministro do Exterior da Coreia do Norte, Ri Yong Ho, para o cumprimento das resoluções que o Conselho de Segurança impôs ao país em resposta à sua escalada armada.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.