sicnot

Perfil

Mundo

Ex-mayor de Londres suspenso do Partido Trabalhista por declarações antissemitas

O Partido Trabalhista britânico (Labour) suspendeu o antigo presidente da Câmara de Londres. Ken Livingstone é acusado de ter feito "apologia nazi" e corre agora o risco de vir mesmo a ser expulso do partido.

© Reuters Staff / Reuters

A polémica prende-se com as declarações feitas a várias estações de rádio, em que Livingstone afirmou que "Hitler era um sionista, favorável à criação de um Estado de Israel, mas depois enloqueceu e matou seis milhões de judeus".

Livingstone já tinha tido estado envolvido numa polémica semelhante. Há 10 anos chegou mesmo a ser ameaçado de suspensão do cargo como presidente da Câmara por ter comparado um jornalista judeu a um guarda de um campo de concentração e por se ter recusado a fazer um pedido de desculpas.

Esta polémica surge em plena campanha para o referendo sobre a permanência do Reino Unido na União Europeia e na recta final para as eleições locais de 5 de maio.

  • O primeiro dia de Donald Trump na Casa Branca
    3:05
  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.