sicnot

Perfil

Mundo

Corpo de alpinista encontrado 16 anos depois de avalancha

Foram encontrados num glaciar do Tibete os corpos de Alex Lowe, considerado o alpinista mais conhecido nos anos 90, e do operador de câmara David Bridges, 16 anos depois de terem ficado soterrados numa avalancha nos Himalaias.

alexlowe.org

Lowe, de 40 anos, e Bridges, de 29, participavam numa expedição para um documentário da NBC Sports no dia 5 de outubro de 1999, quando ficaram soterrados sob uma avalancha na montanha Shishapangna - a 14ª mais alta do mundo.

A semana passada, os dois cadáveres terão sido encontrados pelos alpinistas David Gottler e Ueli Steck.

Gottler descreveu as roupas encontradas, bem como os dois corpos, a Conrad Anker - um alpinista que participava na expedição de Lowe, mas que sobreviveu ao acidente.

Anker acabou por casar com a viúva de Lowe, Jenni, e adotou os seus 3 filhos. A descoberta, declarou, "traz um fim e também alívio para mim, para Jenni e para a nossa família".

O casal criou em 1999 a Fundação Alex Lowe, em memória do alpinista.