sicnot

Perfil

Mundo

Greenpeace divulga documentos confidenciais

A Greenpeace vai divulgar hoje documentos sobre negociações entre a União Europeia e os Estados Unidos acerca do Acordo de Livre Comércio e Investimento (TTIP) que revelam a "intenção deliberada de mudar o processo legislativo e democrático da União".

© Kai Pfaffenbach / Reuters

A Greenpeace Holanda obteve os documentos confidenciais e vai publicá-los de forma a proporcionar "a tão necessária transparência" sobre as negociações e "incentivar um debate informado" sobre o tratado, indicou a organização em comunicado.

A organização ecologista assinala que os documentos confirmam "importantes riscos para o clima, o meio ambiente e a proteção do consumidor".

As proteções do meio ambiente de longa tradição na União Europeia parecem ter desaparecido nas negociações, segundo a Greenpeace.

Em "nenhum dos capítulos [...] se faz a referência à regra de exceção geral incluída no Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio da Organização Mundial do Comércio, que permite aos países regular o comércio para proteger a vida e a saúde se seres humanos, animais e plantas" ou "para a conservação dos recursos naturais", refere a Greenpeace.

Para a organização, a omissão desta regra "sugere que ambas as partes criam um regime que coloca o lucro à frente da vida e da saúde dos seres humanos, animais e plantas".

Em relação ao clima, a Greenpeace garante que a proteção do meio ambiente será mais difícil com o TTIP, dado que "não se pode encontrar nada que aponte a proteção do clima" nos documentos, nem tão pouco uma referência ao acordo COP21 de Paris.

Lusa

  • Governo vai avaliar situação da associação Raríssimas
    1:41

    País

    O Governo promete avaliar a situação da instituição Raríssimas e agir em conformidade, depois da denúncia de alegadas irregularidades na gestão financeira. A presidente da instituição terá usado dinheiro da Raríssimas para gastos pessoais como vestidos de alta-costura e alimentação. Esta é uma instituição que apoia doentes e famílias que convivem de perto com doenças raras. 

  • Diáconos permanentes: quem são e que cargo ocupam na comunidade católica
    10:04
  • Múmia quase intacta descoberta em Luxor
    1:23

    Mundo

    O Egito anunciou, este sábado, a descoberta de dois pequenos túmulos com 3.500 anos na cidade de Luxor. Foram também encontrados uma múmia em bom estado de conservação, uma estátua do deus Ámon Ra e centenas de artefactos de madeira e cerâmica ou pinturas intactas.