sicnot

Perfil

Mundo

Brinquedo sexual confundido com anjo caído do céu

Os habitantes de uma aldeia isolada na Indonésia julgaram terem sido abençoados quando descobriram numa praia o que pensaram ser um anjo caído do céu.

facebook/ihyan.tauruz

Um inquérito policial foi aberto mas a conclusão foi dececionante para quem acreditou na benção: era uma boneca insuflável, para usar como objeto sexual.

"Quando os nossos agentes chegaram, viram que o 'anjo caído' era simplesmente uma boneca, um briquedo sexual", declarou Heru Pramukarn, o chefe da polícia de Banggai, aldeia nas ilhas Celebes.

A descoberta, por um pescador que pescava ao largo de Banggai em março, aconteceu no dia seguinte a um eclipse total do Sol, uma experiência profundamente espiritual neste país muçulmano, que fez a população desta aldeia acreditar que os acontecimentos estavam ligados.

O pescador levou a boneca, parcialmente cheia, para casa. A sua mãe vestiu-a e sentou-a numa cadeira e todos os dias lhe mudava a roupa, bem como o lenço da cabeça. O entusiasmo suscitado pelo "anjo" inquietou a polícia que então iniciou a investigação.

"Ouvimos imensas histórias, até que (o anjo caído) chorava quando foi encontrado", contou à agência France Press o chefe da polícia. O isolamento desta aldeia contribuiu para a elaboração da história. "Eles não têm Internet, não sabem o que é um objeto sexual", lembrou o polícia.

A boneca foi confiscada e levada para a esquadra da polícia.

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.