sicnot

Perfil

Mundo

Mais de 32 mil querem jantar nus em Londres

Jantar nu num restaurante é uma novidade que está a atrair milhares em Londres. "O primeiro restaurante nu de Londres" que oferece comida saudável às pessoas no seu "estado natural", dizem os responsáveis.

Restaurante de nudistas em Nova Iorque, em 2005.

Restaurante de nudistas em Nova Iorque, em 2005.

© Reuters Photographer / Reuters

Só abre em junho, mas as inscrições já ultrapassam as 32 mil e apenas 42 pessoas podem jantar de cada vez no Bunyadi, um restaurante em Londres mas cuja localização ainda é secreta.

À chegada ao restaurante, os clientes são convidados a tirar as roupas num vestiário e a vestir um robe. Que poderão tirar ou não durante a refeição.

Cada refeição custa 95 libras (120 euros) e é servida por empregados que estão semi-nus.

O cérebro por trás desta ideia, Sebastian Lyall, explica o conceito:

Número um: "A moda de comida saudável, comida limpa, comida nua. A nossa comida é produzida em casa. Os nossos talheres são comestíveis. Não temos nada feito de plástico, metal e não usamos eletricidade ou gás".

Número dois: "Libertação da tecnologia. Todos ficamos aborrecidos com as pessoas ao telemóvel enquanto comem. Por isso não se pode trazer qualquer tecnologia".

Número três: "Aqui entra a opção (de roupa). Estamos a criar uma atmosfera dentro do restaurante, se se sentir confortável, pode tirar o robe - que lhe damos à chegada".

Basta enviar um mail e aguardar, vestido, na longa fila de espera para uma vaga.

  • GNR só teve acesso às imagens das agressões em Alcochete 12 horas depois
    1:42

    Crise no Sporting

    A GNR não pôde visionar as imagens de videovigilância da Academia de Alcochete logo que chegou ao local. O sistema estava inoperacional, o que fez com que as imagens só fossem entregues quase 12 horas depois do ataque à equipa do Sporting. Entre as provas recolhidas, estão também impressões digitais e vestígios de sangue encontrados na zona do balneário.

  • Juiz considera que agressões em Alcochete foram "ato terrorista"
    1:59

    Crise no Sporting

    O juiz que decretou a prisão preventiva dos 23 detidos pelo ataque à Academia do Sporting considera que se tratou de um ato terrorista. Diz mesmo que os agressores tiveram um comportamento chocante e que perverte o espírito desportivo. Sete dos 23 detidos já foram condenados por outros crimes, mas não chegaram a pena de prisão.

  • Gonçalo Guedes: o menino franzino que jogava mais que os outros em Benavente
    8:47
  • A promessa que João Mário vai ter de cumprir se Portugal for campeão
    1:36
  • Aprovadas mudanças no acesso ao ensino superior

    País

    O Governo aprovou esta quinta-feira o decreto-lei que estabelece o currículo dos ensinos básico e secundário, bem como os princípios orientadores da avaliação, voltando a nota de Educação Física a contar para a média de acesso ao ensino superior. No caso dos alunos do ensino profissional, são eliminados requisitos considerados discriminatórios no acesso ao ensino superior.

  • Universidade de Coimbra não retira Honoris Causa a Lula
    3:30
  • Estudo acaba com teorias da conspiração sobre a morte de Hitler

    Mundo

    Existem algumas versões sobre o desaparecimento do ditador nazi, Adolf Hitler. Há quem diga que viajou para um país da América do Sul, outros acreditam que está escondido na Antártida e há até quem vá mais longe e acredita que estaria na Lua. Mas, teorias da conspiração à parte, a história oficial diz que Hitler suicidou-se num bunker, em Berlim, Alemanha.

    SIC