sicnot

Perfil

Mundo

Cientistas descrevem buraco negro com 660 milhões de vezes a massa do Sol

Uma equipa internacional de cientistas descreve hoje um buraco negro que tem 660 milhões de vezes a massa do Sol e uma nuvem de gás que o circunda a 1,7 milhões de quilómetros por hora.

Ilustração do buraco negro com uma massa 12 mil milhões de vezes maior que a do Sol.

Ilustração do buraco negro com uma massa 12 mil milhões de vezes maior que a do Sol.

© NASA / Reuters

Liderados por Aaron J. Barth, da Universidade da Califórnia, os cientistas estudaram o buraco negro, que se encontra no centro de uma galáxia chamada NGC1332, a 73 milhões de anos-luz da Terra, com recurso ao Grande Conjunto Milimétrico/Submilimétrico de Atacama (ALMA, na sigla em inglês), o maior projeto astronómico do mundo.

O ALMA, um telescópio com 66 antenas localizado a cerca de 5.000 metros de altitude no Chile, permitiu aos cientistas medirem o buraco negro com uma precisão sem precedentes, pode ler-se num comunicado sobre o artigo, publicado hoje na revista Astrophysical Journal Letters.

Os buracos negros, os mais massivos dos quais estão normalmente nos centros das galáxias, são tão densos que a sua gravidade atrai tudo o que se encontre próximo, incluindo a luz, explicou Andrew J. Baker, da Universidade Rutgers, em Nova Jérsia, citado no comunicado.

Um buraco negro forma-se quando a matéria, muitas vezes após a explosão de uma estrela, se condensa pelo efeito da gravidade.

Os buracos negros supermassivos no centro de galáxias massivas brilham ao engolir gás, estrelas e outros buracos negros.

No entanto, explicou Baker, "só porque existe um buraco negro na vizinhança, não significa que funcione como um aspirador cósmico".

As estrelas podem aproximar-se de um buraco negro sem serem engolidas, desde que se mantenham em órbitas estáveis e se movam suficientemente depressa, acrescentou o investigador.

Os cientistas acreditam que todas as galáxias massivas têm um buraco negro a massivo no centro. "A ubiquidade dos buracos negros é um indicador da profunda influência que têm na formação das galáxias em que vivem", disse Baker.

Compreender a formação e evolução das galáxias é um dos maiores desafios da astrofísica moderna e para entender como as galáxias se formam e evoluem, é preciso entender os buracos negros, pois os crescimentos das galáxias e dos seus buracos negros estão coordenados, afirmou.

Para compreender os buracos negros, é importante medir a sua massa exata, o que permite aos cientistas saber se o buraco negro está a crescer mais ou menos depressa do que a sua galáxia.

Para medir o buraco negro no centro da NGC 1332, os cientistas utilizaram as observações de alta resolução captadas pelo ALMA de um disco gigante de monóxido de carbono que orbita o buraco e mediram também a sua velocidade.

"Este é um caso em que os novos instrumentos nos permitiram concretizar um avanço importante em termos do que podemos dizer cientificamente", disse Baker, sublinhando que a caracterização da massa dos buracos negros tem sido uma área de investigação muito ativa nos últimos 20 anos.

Os autores do estudo já apresentaram uma proposta para usar o ALMA para observar outros buracos negros.

Lusa

  • Jorge Sampaio dá as boas-vindas a 54 estudantes sírios que chegaram esta madrugada a Lisboa
    0:30

    País

    O avião da Força Aérea Portuguesa vindo de Beirute aterrou no Aeroporto Militar Figo Maduro, em Lisboa, às 4h30. Estes estudantes vão, numa primeira fase, frequentar um curso intensivo de português. Depois serão integrados em universidades e politécnicos de Lisboa, no âmbito do programa de bolsas de estudo de emergência para estudantes sírios dirigido por Jorge Sampaio.

  • Carlos César promete reforço da transparência de titulares de cargos políticos
    2:13

    País

    O recém re-eleito presidente do PS apontou reforço da transparência de titulares de cargos políticos como uma das prioridades do partido, no discurso que fez esta mmanhã no congresso socialista. Enquanto isso, à porta do Centro de Exposições da Batalha, lesados do BES esperavam Costa e César para exigir o cumprimento de promessa.

  • "Acabámos com o mito de que é a direita que sabe governar as finanças públicas"
    2:15
  • Conselhos sobre as novas regras de proteção de dados 
    2:08
  • Protestos em Gaza vão continuar promete Hamas
    1:19

    Mundo

    Na fronteira da Faixa de Gaza com Israel, dezenas de palestinianos ficaram feridos noutra sexta-feira de protesto contra o bloqueio israelita. O Hamas que controla o território diz que as manifestações vão continuar apesar da repressão.

  • Jogo é a 3.000 km de Madrid mas em Santiago de Bernabéu está tudo a postos para a festa
    1:49
  • Restaurantes para grávidas, rooftops e uma viagem pelo Douro vinhateiro
    12:58