sicnot

Perfil

Mundo

Responsável egípcio acusa "Tom e Jerry" pelo aumento da violência

Um responsável governamental egípcio acusa os personagens de desenhos animados "Tom" e "Jerry" de serem responsáveis pela propagação de uma "cultura de violência".

A acusação do responsável pelo Serviço de Informação do Estado, próximo da Presidência, foi feita num fórum realizado esta semana no Cairo sobre violência. Salah Abdel-Sadek disse perante académicos, figuras públicas e representantes da comunicação social que são os jogos de vídeo e os desenhos animados os responsáveis pela violência.

As crianças veem o gato Tom e o rato Jerry "a bater e a rebentar explosivos e, nas suas mentes, acham que é normal", afirmou.

O Governo egípcio tem visto aumentar a contestação e tem de reforçar as medidas de segurança contra os manifestantes. Centenas de dissidentes políticos estão presos.

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.