sicnot

Perfil

Mundo

Número de deslocados no mundo atinge em 2015 nível inédito de 41 milhões

Uma quantidade inédita de 41 milhões de pessoas estava deslocada no mundo, em 2015, designadamente por causa da guerra, mais de metade da qual na Síria, no Iémen e no Iraque, segundo um relatório divulgado na terça-feira.

(Arquivo)

(Arquivo)

EPA

Em 2015, houve 8,6 milhões de novos deslocados devido a conflitos armados, dos quais 4,8 milhões no Médio Oriente e África do Norte, subindo o total para 40,8 milhões, indicou o Observatório das Situações de Deslocação Interna.

"Este número é o mais elevado alguma vez registado e representa o dobro do número de refugiados no mundo", deplorou Jan Egeland, secretário-geral do Conselho Norueguês para os Refugiados, que foi um dos coautores do documento do Observatório, que está baseado em Genebra.

A tendência "acelerou depois do início das primaveras árabes, no final de 2010, e da emergência do grupo Estado Islâmico", salientou-se no texto.

Este foi o quarto ano consecutivo em que o número de deslocados superou o recorde estabelecido no ano anterior.

Lusa

  • "Está prevista mais uma melhoria do rating para breve"
    2:46
  • Fábrica na Covilhã vai produzir para marcas de luxo
    1:47

    Economia

    A Covilhã foi a cidade portuguesa escolhida para a instalação de uma nova fábrica de produção de peças para marcas de luxo. O Grupo FM Industries Sycrilor vai reforçar o investimento na cidade e será responsável pelo polimento de metais para as marcas Louis Vuitton e Cartier.