sicnot

Perfil

Mundo

Problema matemático do 2º ano consegue baralhar adultos

Um problema matemático colocado numa prova para crianças de 7 anos pode confundir muitos adultos. A pretexto de um debate sobre os benefícios dos testes no primeiro ciclo, a britânica Louise Bloxham publicou no Twitter um problema de uma prova do 2º ano e lançou o desafio - Será que consegue dar a resposta correta?

Um grupo de pessoas viajava de comboio.

19 saíram na primeira estação.

17 entraram no comboio.

Agora seguem 63 pessoas.

Quantas pessoas seguiam no comboio?

Louise Bloxham recebeu dezenas de comentários com possíveis resposta ao problema. "Se pensa que a resposta é 65, está enganado", escreveu Louise, que se baseou na explicação dada no próprio formulário de correção da prova realizada em Inglaterra, que apresentava como resposta certa 46.

Naturalmente, as duas respostas poderão ser consideradas corretas, dependendo se se tem em consideração os passageiros que ficaram depois da saída dos 19 e antes da entrada dos 17, ou se a ideia é contabilizar os que seguiam na carruagem antes da saída dos 19 passageiros.

Muitos utilizadores consideraram o problema demasiado difícil para alunos do 2º ano e houve quem achasse a questão "demasiado ambiciosa".

  • Moutinho e Rafael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • "Procedi nesta matéria como procedo em todas as outras"
    0:40

    País

    O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, não esclarece se falou diretamente com Rui Rio sobre o projeto de lei dos combustíveis do CDS antes do voto favorável estar decidido. No entanto, disse que o processo de decisão foi igual a todos os outros. O presidente do PSD era contra o diploma dos centristas.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.