sicnot

Perfil

Mundo

Escândalo com nova campanha da Calvin Klein para roupa interior

A nova campanha publicitária da Calvin Klein está a suscitar numerosas críticas, sobretudo porque mistura infância e sexo. Mostra a roupa interior de uma jovem modelo fotografada por baixo da saia.

instagram.com/calvinklein/

"I-flash-in #mycalvins" (eu exibo as minhas Calvins), é a legenda de uma foto sépia retirada da nova campanha intitulada "Erotica", com a modelo Klara Kristin de 23 anos. A jovem atuou no filme "Love" do realizador francês Gaspar Noé de 2015, classificado para maiores de 18 anos.

Os utilizadores do Instagram são convidados a espreitar por baixo da saia de Klara Kristin. A imagem desencadeou numerosas reações nos Estados Unidos, nas redes sociais e mais além.

"Calvin Klein faz marketing para os perversos", acusa o tabloide New York Post. "Calvin Klein, a tua publicidade dá um caráter sexual às jovens raparigas. Não compraremos" - "we're #NotBuyingIt", escreveu no Twitter uma das contas do movimento The Representation Project, que diz lutar contra os "estereótipos e as injustiças sociais".

O Centro Nacional contra a Exploração Sexual (NCOSE) lançou uma petição intitulada "Moralidade nos Media" exigindo à Calvin Klein que "pare de normalizar o assédio sexual conferindo-lhe glamour".

Take a peek: @karate_katia, photographed by @harleyweir for the Spring 2016 advertising campaign. #mycalvins

Uma foto publicada por Calvin Klein (@calvinklein) a

  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • Jovens impedidas de embarcar de leggings

    Mundo

    A moda das calças-elásticas-super-justas volta a fazer estragos. Desta vez nos EUA onde duas adolescentes foram impedidas de embarcar num voo da United Airlines devido à indumentária, que não cumpria com as regras dos tripulantes ou acompanhantes da companhia aérea norte-americana.

    Manuela Vicêncio

  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41