sicnot

Perfil

Mundo

Papa diz que trabalho missionário é mais necessário do que nunca

O papa Francisco disse hoje que o trabalho dos missionários é mais necessário do que nunca, "face à quantidade de injustiças, guerras e crises humanitárias que esperam uma solução", numa mensagem publicada hoje para a Jornada Mundial das Missões.

Papa Francisco

Papa Francisco

© Tony Gentile / Reuters

"Todos os povos e culturas têm o direito a receber a mensagem de salvação, que é um dom de Deus para todos", disse o papa, citado pela agência espanhola EFE, ao falar da necessidade de uma igreja missionária.

Esse trabalho, referiu, "é ainda mais necessário se tivermos em conta a quantidade de injustiças, guerras e crises humanitárias que esperam uma solução", acrescentando que os missionários "sabem por experiência que o Evangelho do perdão e da misericórdia pode trazer alegria e reconciliação, justiça e paz".

Na mensagem para aquela que será a 90.ª Jornada Mundial das Missões da igreja católica, e que acontece a 23 de outubro, o sumo pontífice argentino destacou também "a considerável e crescente presença da mulher no mundo missionário".

"As mulheres e as famílias compreendem melhor os problemas das pessoas e sabem enfrentá-los de uma maneira adequada e às vezes inesperada", sublinhou.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.