sicnot

Perfil

Mundo

Abril bate recordes de calor e é o 12º mês consecutivo a fazê-lo

O mês passado foi o mais quente mês de abril da história moderna, tornando-se o 12.º mês consecutivo a ultrapassar os recordes de calor, anunciou hoje o Instituto Oceânico e Atmosférico norte-americano (NOAA).

© Hugo Correia / Reuters

"A temperatura média global nas superfícies da terra e do mar foi, em abril de 2016, a mais alta no mês de abril registada na base de dados de temperatura global do NOAA, que recua até 1880", indicou o instituto em comunicado.

"Trata-se do 12.º mês consecutivo em que o recorde da temperatura global foi batido, a mais longa série de recordes no registo de 137 anos", acrescentou o NOAA.

Lusa

  • Abril foi o 7º mês consecutivo com temperaturas mais altas desde que há registo

    Mundo

    O mês passado foi o abril mais quente desde que há registo, numa série de 7 meses consecutivos com recorde de temperaturas elevadas. Os cientistas têm alertado para o problema do aquecimento global desde, pelo menos, 1980. E desde 2000, os dados têm sido evidentes. A grande novidade reside agora no facto de além de se alcançarem recordes de altas temperaturas, as diferenças em relação aos valores anteriores serem cada vez maiores.

  • Elevadas temperaturas levam banhistas às praias do Algarve
    1:32

    País

    No Algarve, a subida das temperaturas não encheu as praias da região, mas muitas pessoas aproveitaram os primeiros banhos de sol. Os banhistas dizem que o calor ainda não aperta, mas querem aproveitar o bom tempo. A temperatura da água do mar rondou os 16 graus na praia de Quarteira. A previsão de sol deverá levar mais pessoas às praias da região nos próximos dias.

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Turista italiano assassinado em favela do Rio de Janeiro
    1:01

    Mundo

    Um turista italiano de 52 anos foi assassinado numa favela do Rio de Janeiro, no Brasil, enquanto viajava com um amigo. Após várias horas com o gangue autor do crime, o amigo que se encontrava com a vítima acabou por ser libertado.

  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47