sicnot

Perfil

Mundo

Áustria vai hoje a votos para eleger novo Presidente

As assembleias de voto abriram hoje na Áustria pelas 07:00 horas (06:00 em Lisboa) com dois candidatos que disputam a presidência, um ecologista e outro de ultradireita, a protagonizar as eleições mais disputadas nos últimos 70 anos.

Norbert Hofer, candidato da extrema-direita e vencedor da primeira volta, terá alcançado 50,2% dos votos

Norbert Hofer, candidato da extrema-direita e vencedor da primeira volta, terá alcançado 50,2% dos votos

© Heinz-Peter Bader / Reuters

Cerca de 6,4 milhões de cidadãos maiores de 16 anos são chamados às urnas para eleger o novo chefe de Estado austríaco da Segunda República, fundada em 1945.

As urnas encerram às 16:00 (hora de Lisboa) e espera-se que os primeiros resultados provisórios sejam anunciados pouco tempo depois.

Norbert Hofer, de 45 anos, candidato do eurocético Partido Liberal (FPÖ), parte em vantagem devido à clara e inesperada vitória na primeira volta, no passado 24 de abril, com 35% dos votos.

O segundo candidato é Alexander Van der Bellen, um economista de 72 anos que entre 1997 e 2008 liderou o partido ecologista e progressista Os Verdes, e que agora concorre como independente.

Tal como em Portugal, o Presidente austríaco tem poderes relativamente limitados. Na Áustria, o poder executivo está nas mãos dos governos e parlamentos central e das regiões. No entanto, o Presidente pode, em determinadas circunstâncias, demitir o governo -- coisa que Hofer já prometeu fazer se for eleito.

Lusa

  • Chuva, vento, granizo e neve em 13 distritos
    1:42

    País

    Treze distritos do continente estão sob aviso amarelo de mau tempo, com previsão de chuva, granizo e neve. O vento forte também se faz sentir nos distritos de Beja, Faro e Setúbal.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.