sicnot

Perfil

Mundo

Aviação russa atacou Alepo pela primeira vez desde início da trégua

A aviação russa lançou hoje pela primeira vez ataques contra a cidade síria Alepo desde a entrada em vigor de uma trégua parcial em 27 de fevereiro por Moscovo e Washington, revelou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

© Khalil Ashawi / Reuters

"Aviões russos e sírios lançaram hoje 40 ataques contra a 'estrada Castello'. É a primeira vez que os aviões russos entram em ação em Alepo desde a trégua", afirmou Rami Abdel Rahmane, diretor do OSDH.

A "estrada de Castello", a norte de Alepo, é vital para os rebeldes porque o aprovisionamento da parte da cidade que controlam passa por este eixo.

As forças do regime tentaram em várias ocasiões, mas sem sucesso, assumir o controlo. Se conseguissem, os bairros rebeldes ficariam completamente cercados.

O cessar-fogo instaurado em 27 de fevereiro foi violado em 22 de abril em Alepo, onde cerca de 300 pessoas foram mortas nos combates.

A Rússia propôs na sexta-feira aos Estados Unidos e à coligação internacional liderada por Washington lançar ataques aéreos em conjunto a partir de 25 de maio contra "grupos terroristas" ativos na Síria, segundo o ministro da Defesa russo, Sergueï Choïgou.

Este último adiantou que Moscovo se reservava "o direito de lançar ataques, a partir de 25 de maio, contra os destacamentos de grupos terroristas e grupos armados ilegais que não respeitassem o cessar-fogo".

Segundo um porta-voz norte-americano, a Rússia retirou muito pouco das suas forças da Síria, desde a retirada parcial anunciada em março pelo presidente Vladimir Putin, tendo nomeadamente colocado uma nova base avançada perto de Palmira.

Lusa

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC