sicnot

Perfil

Mundo

Líder dos talibãs afegãos atacado pelos EUA porque era uma "ameaça"

O secretário de Estado norte-americano John Kerry afirmou hoje que o líder dos talibãs, mullah Akhtar Mansur, foi alvo de um ataque aéreo norte-americano porque representava uma "ameaça" para as forças norte-americanas e afegãs e para os civis afegãos.

Akhtar Mansur, antigo líder dos talibãs.

Akhtar Mansur, antigo líder dos talibãs.

(SIC/ Arquivo)

"Mansur era (...) uma ameaça iminente para o pessoal norte-americano, os civis afegãos e as forças de segurança afegãs", declarou John Kerry à imprensa em Naypyidaw, capital da Birmânia, adiantando que "ele se opunha diretamente às negociações de paz".

Os Estados Unidos "sempre defenderam que um processo de reconciliação dirigido pelos afegãos era o meio mais seguro para assegurar a paz [...] a paz é o que nós queremos, Mansur era uma ameaça para isso", adiantou, durante a visita que está a efetuar à Birmânia.

Washington tinha anunciado no sábado que os Estados Unidos tinham "provavelmente" matado num raide aéreo no Paquistão o líder dos talibãs afegãos, indo em socorro do governo de Cabul.

O ataque foi efetuado com vários drones (aviões não tripulados) das forças especiais norte-americanas numa zona remota na fronteira do Afeganistão e com o Paquistão, a sudoeste da cidade de Ahmad Wal.

Desde o final da missão de combate da Nato no Afeganistão, as forças norte-americanas têm teoricamente um papel de aconselhamento e de assistência às forças afegãs.

O mullah Akhtar Mansur assumiu oficialmente a liderança dos talibãs afegãos em julho de 2015, tendo sucedido ao mullah Omar.

Em dezembro de 2015, fontes afegãs e paquistanesas tinham indicado que o mullah Mansur tinha ficado gravemente ferido ou mesmo morrido numa troca de tiros durante uma reunião de responsáveis talibãs no Paquistão. Posteriormente, a morte de Mansur foi desmentida pelo movimento islamita.

Lusa

  • Militar ferido com gravidade em acidente com Pandur
    1:19

    País

    O acidente em Vila Real que envolveu uma viatura militar fez três feridos. Uma das vítimas ficou em estado grave e teve de ser transportada de helicóptero para o Hospital Santo António do Porto. O militar ficou encarcerado no veículo blindado, o que dificultou os trabalhos de socorro.

  • Ricardo Salgado constituído arguido e interrogado no DCIAP
    2:46

    Operação Marquês

    O ex-presidente do BES está a ser ouvido no DCIAP, a responder às questões do procurador Rosário Teixeira e do inspetor da Autoridade Tributária Paulo Silva. Têm sido levantadas dúvidas quanto ao dinheiro em contas de Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates, e suspeita-se que grande parte desses 20 milhões de euros tenham vindo de sociedades com ligação ao grupo Espírito Santo.

  • Bebé nasce na Ucrânia com ADN de três pais

    Mundo

    Nasceu a 5 de janeiro, na Ucrânia, uma menina filha de um casal infértil graças à ajuda de uma nova técnica de fertilização in vitro, que conta com a colaboração de uma terceira pessoa. De acordo com o britânico The Times, os médicos utilizaram pela primeira vez um método denominado transferência pronuclear. Esta não é, contudo, a primeira vez que nasce um bebé com ADN de três progenitores.

  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".