sicnot

Perfil

Mundo

Obama anuncia levantamento total do embargo sobre a venda de armas ao Vietname

Os Estados Unidos levantaram o embargo sobre a venda de armas ao Vietname, segundo anunciou hoje o Presidente Barack Obama, durante uma visita a Hanói, anulando um embargo de décadas com o antigo inimigo.

Presidente dos EUA e o homólogo vietnamita, Tran Dai Quang

Presidente dos EUA e o homólogo vietnamita, Tran Dai Quang

© POOL New / Reuters


"Os Estados Unidos levantam totalmente a proibição de venda de equipamento militar para o Vietname que vigora há cerca de 50 anos", disse numa conferência de imprensa conjunta com o seu homólogo vietnamita, Tran Dai Quang.

Barack Obama enalteceu ainda o "fortalecimento dos laços" entre os Estados Unidos e o Vietname, no arranque da sua visita ao país, numa altura em que as antigas nações inimigas partilham preocupações em relação às disputadas marítimas da China.

"Estamos aqui como símbolo do fortalecimento dos laços que conseguimos atingir nas últimas décadas", disse o Presidente norte-americano ao seu homólogo Tran Dai Quang, em Hanói.

"A toda a linha, temos visto um aumento na cooperação em benfícios de ambos os nossos povos", afirmou Barack Obama.

O líder norte-americano disse esperar que a sua visita de três dias possa servir para demonstrar aos vietnamitas a "amizade e afeto" que existe entre os dois países.

As relações entre os Estados Unidos e o Vietname sofreram uma grande transformação nos últimos anos, passando de nações inimigas marcadas por uma década de guerra, a aliados regionais.

Como símbolo dessa mudança, os dois líderes apertaram mãos antes do encontro, numa sala dominada pelo enorme busto do líder comunista revolucionário vietnamita, Ho Chi Minh.

A chegada de Obama a Hanói foi observada por muitos vietnamitas.

"Gosto de Obama, parece moderado. Esta é uma oportunidade única para ver o Presidente dos Estados Unidos no Vietname", disse Nguyen Toan Thang à AFP.

Obama vai encontrar-se com o primeiro-ministro Nguyen Xuan Phuc, e também com o secretário-geral do Partido Comunista, tido como o verdadeiro líder do país, Nguyen Phu Trong.

  • Reportagem Especial dá a voz aos despedidos da banca
    1:18
  • CEMGFA admite que várias armas roubadas estão em condições de ser usadas
    2:06

    Assalto em Tancos

    Afinal há várias armas roubadas em Tancos que estão em condições de ser utilizadas, sendo que apenas os lança-granadas-foguete estão obsoletos. Esta manhã, o general Pina Monteiro admitiu, no Parlamento, que a declaração que fez há duas semanas pode ter induzido em erro a opinião pública. O chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas (CEMGFA) diz, ainda, que se houvesse indícios sobre colaboração do Exército neste caso, os suspeitos estariam presos.

  • Pais de Charlie Gard querem que o bebé morra em casa

    Mundo

    Depois de terem renunciado à batalha judicial para manterem o filho com vida, os pais do bebé britânico Charlie Gard desejam agora levar a criança para morrer em casa. O desejo foi revelado pelo advogado de Chris Gard e Connie Yates, numa audiência esta tarde, no Supremo Tribunal de Londres. Contudo, o hospital responsável pelo caso admite que os cuidados a Charlie não podem ser feitos em casa.