sicnot

Perfil

Mundo

Primeiros neandertais já exploravam o subsolo e utilizavam o fogo

Os primeiros representantes europeus dos neandertais, cerca de 140.000 anos antes do homem moderno, ocuparam cavernas profundas e construíram estruturas complexas com o apoio do fogo, revela um estudo divulgado hoje.

Fogueira de São João em Gijon, Espanha / Reuters

Fogueira de São João em Gijon, Espanha / Reuters

© Eloy Alonso / Reuters

Esta é uma descoberta que fornece uma visão sem precedentes sobre estes hominídeos.

Até hoje, a prova mais antiga de que estes homens frequentavam as cavernas remontava a cerca de 38.000 anos atrás, na caverna francesa de Chauvet (sudeste). Um novo estudo trouxe novas descobertas sobre o assunto.

A gruta francesa de Bruniquel, perto de Toulouse, ofereceu esta descoberta inesperada: seis estruturas compostas por estalagmites, ou pedaços de estalagmites, organizadas de forma mais ou menos circular junto a restos de combustão de fogo.

Jacques Jaubert, um dos líderes deste estudo e etnólogo do Centro Nacional da Pesquisa Cientifica (CNRS) de França, explicou que a organização da gruta não é fruto do acaso, pois existem elementos fragmentados e sobrepostos para manter as estruturas em pé.

Ao todo, podem contar-se cerca de 400 estalagmites, com um peso global estimado em 2,2 toneladas, estando colocadas de forma a formar uma linha continua, estas estruturas alcançariam os 112 metros.

A equipa de investigadores batizou estes restos fragmentados e reorganizados de "speleofacts". Junto a estes fragmentos, o uso do fogo é visível, demonstrando não ter origem nem no passar do tempo, nem em animais.

Estes detritos de fogo, segundo a interpretação da equipa, revelam que, "muito antes do homo-sapiens", os primeiros neandertais sabiam utilizá-lo para circular num espaço fechado e desprovido da luz do dia.

As estruturas encontram-se a 336 metros da entrada, o que a torna "a mais antiga a essa distância", "a mais bem conservada", e "uma das primeiras da história da humanidade", dado que existem outras mais antigas mas com estruturas mais fragmentadas ou contestadas pela etnologia.

A sua própria existência, segundo os peritos, é em si mesma surpreendente. Este estudo destaca que é "praticamente única nos registos arqueológicos, de seja qual for o período".

Em Bruniquel, a idade das estalagmites é muito anterior à da chegada dos homens modernos à Europa (-40.000), pelo que os seus autores seriam os primeiros homens de Neandertal.

A gruta, que estava fechada, foi descoberta em 1990 e cinco anos depois foi feita a primeira datação, utilizando o método da datação em carbono catorze, dando uma idade mínima de 47.600 anos, o limite que esta técnica permite.

A partir de 2013, novas análises baseadas nas propriedades radioativas do urânio, que medem o final do crescimento das estalagmites utilizadas, permitem chegar a uma idade média para os fragmentos de 176.500 anos, com uma margem de erro de 2100 anos.

Nessa época atravessava-se um período "glaciar, mas dentro de um episódio relativamente húmido e ameno", acrescentou Dominique Genty, diretor de investigação do CNRS.

Os peritos querem determinar primeiro a documentação do achado antes de avançarem para a interpretação.

Mas, por eliminação, explicam que se pode supor que estas construções circulares não foram construídas por motivos ambientais, nem de alimentação, mas sim para criar um local de culto e de celebração.

Lusa

  • Relatório pedido pelo Governo PSD-CDS já apontava falhas no SIRESP
    2:26
  • FC Porto acusa Benfica de recorrer a serviços de "bruxaria"
    2:34

    Desporto

    Francisco J. Marques acusou o Benfica de recorrer a "bruxaria". O diretor de comunicação do FC Porto revelou uma troca de e-mails entre Luís Filipe Vieira e Armando Nhaga, suposto comissário nacional da polícia da Guiné-Bissau com a celebração de um contrato de prestação de serviços.

  • Francisco J. Marques promete continuar a revelar e-mails
    2:11

    Desporto

    Francisco J. Marques diz que a Polícia Judiciária sabe como o Futebol Clube do Porto teve acesso aos e-mails e desafia o Benfica a revelar os originais. O diretor de comunicação do clube portista revelou ainda que irá continuar a divulgar e-mails, já que isso não é incompatível com o segredo de Justiça.

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.

  • Mulher atira moedas para o motor do avião por superstição

    Mundo

    As superstições levam as pessoas a fazer coisas bizarras e até, mesmo, perigosas. Este foi o caso de uma mulher chinesa que decidiu atirar moedas para o motor de um avião, para garantir boa sorte na viagem, que estava prestes a fazer. Contudo, a ação obrigou ao atraso do voo que partia de Xangai, numa companhia aérea chinesa.

  • Modelo italiana atacada com ácido volta ao trabalho

    Mundo

    Gessica Notaro, antiga concorrente do concurso Miss Itália, já regressou ao trabalho como treinadora de leões marinhos, cinco meses depois de ter sido atacada com ácido, alegadamento pelo ex-namorado, Jorge Edson Tavares. Gessica Notaro diz que quer inspirar e encorajar outras mulheres a lutar contra o assédio e o bullying nas relações.