sicnot

Perfil

Mundo

Tensão aumenta na Venezuela e leva classe média a exigir saída de Nicolás Maduro

REPORTAGEM SIC

Tensão aumenta na Venezuela e leva classe média a exigir saída de Nicolás Maduro

A tensão política e social na Venezuela está a afetar sobretudo a população mais pobre mas é a chamada classe média que está nas ruas a exigir a saída de Nicolás Maduro. Apesar da galopante inflação, o regime mantém uma forte base entre os mais desfavorecidos.

  • Venezuelano relata dificuldades para comprar comida e medo que se vive nas ruas
    1:13

    Mundo

    O Presidente Nicolas Maduro ameaçou mandar suspender a Constituição, em resposta aos protestos da oposição. A Venezuela vive uma das mais graves crises dos últimos anos com uma inflação prevista para este ano de 700% e escassez generalizada de bens essenciais. A SIC falou com Julio Riquezes, um empresário venezuelano da construção civil, que fala da dificuldade de quem quer comprar comida e não encontra, e também do medo de uma revolta violenta nas ruas.

  • Escassez de farinha faz diminuir produção de pão na Venezuela
    3:13

    Mundo

    A escassez de farinha fez diminuir a produção de pão na Venezuela e deixou muitas padarias sem ter o que vender. Os venezuelanos esperam horas em filas para comprar bens essenciais e assim evitar recorrer ao mercado paralelo. O Governo diz que está a enfrentar uma guerra económica e a oposição responsabiliza as políticas herdadas de Hugo Chávez pela escassez de bens essenciais como alimentação e medicamentos.

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.

  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57