sicnot

Perfil

Mundo

Áustria quer impedir peregrinação de nazis a casa onde Hitler nasceu

O governo da Áustria anunciou ter apresentado hoje um projeto de lei referente à casa em que nasceu Hitler, para resolver uma batalha judicial com a proprietária e impedir que se torne num local de peregrinação nazi.

© Dominic Ebenbichler / Reuters

Segundo um comunicado do Ministério do Interior, o objetivo do projeto de lei é expropriar a casa, transferindo-a para o Estado austríaco.

"Impedir que o local de nascimento de Hitler se torne num local de peregrinação ou de memória para os que têm ideais (nazis)" é o objetivo do governo desde a década de 1970, lê-se no comunicado.

Naquela data, as autoridades austríacas e Gerlinde Pommer assinaram um contrato de arrendamento, para a abertura de um centro de dia para deficientes na propriedade.

A casa, localizada no centro histórico de Braunau am Inn, norte da Áustria, está vazia desde 2011 e está classificada como património.

No seu comunicado, o Ministério acrescenta que face à impossibilidade de chegar a acordo com a proprietária, Gerlinde Pommer, iniciou em 2011 uma batalha judicial.

O desacordo teve origem na recusa da proprietária em fazer reformas no local.

A população de Braunau está dividida entre transformar a casa num centro de refugiados ou num museu da libertação da Áustria do domínio nazi.

A casa de Hitler é frequentemente palco de manifestações antifascistas e também de encontros de simpatizantes do regime nazi.

Adolf Hitler nasceu a 20 de abril de 1889 e dirigiu a Alemanha entre 1934 e 1945, à frente de um regime que se baseava na supremacia racial, de inspiração nazi e que viria a desembocar na Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22