sicnot

Perfil

Mundo

Justiça espanhola reabre inquérito ao acidente ferroviário que matou 80 pessoas em 2013

A justiça espanhola reabriu o inquérito ao acidente ferroviário que matou 80 pessoas na Galiza, em 2013. As autoridades querem apurar se a empresa pública que gere a rede ferroviária tem também responsabilidades no acidente. O inquérito inicial ficou concluído em outubro do ano passado e acabou com o maquinista do comboio acusado de homicidio por negligência grave.

© Miguel Vidal / Reuters

Em julho de 2013, o comboio que fazia a ligação entre Madrid e Santiago de Compostela descarrilou pouco antes de chegar ao terminal.

O maquinista distraiu-se a falar ao telefone e abordou uma curva a 179 quilómetros por hora quando o limite para aquela zona era de 80.

Do acidente resultaram 80 mortos e 144 feridos. As associações de vitimas consideram que o maquinista não deve ser o único culpado do acidente e responsabilizam a empresa gestora da ferrovia também de negligência por não ter instalado sistemas que prevenissem o descarrilamento.

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.