sicnot

Perfil

Mundo

Cinco capacetes azuis morrem em emboscada terrorista no centro do Mali

Cinco capacetes azuis foram mortos este domingo numa emboscada no centro do Mali, informou a missão da ONU no país (MINUSMA), que disse tratar-se de um novo "ataque terrorista".

© Jacky Naegelen / Reuters

"Segundo informações preliminares, cinco capacetes azuis foram mortos e um outro ficou gravemente ferido", indicou em comunicado a missão, explicando que o ataque ocorreu na região de Mopti.

"Condeno vigorosamente este crime abjeto que se junta a outros atos terroristas contra os nossos soldados da paz e que à luz do direito internacional são crimes contra a humanidade", declarou Mahamat Saleh Annadif, representante especial do secretário-geral das Nações Unidas e chefe da MINUSMA.

A ONU não indicou a nacionalidade das vítimas, mas uma fonte da polícia do Mali tinha dito anteriormente à AFP que pelo menos quatro 'capacetes azuis' do Togo tinham sido mortos.

Esta é a primeira vez que soldados que integram a missão da ONU são mortos no centro do Mali.

O ataque de hoje ocorreu depois de, na sexta-feira, terem sido mortos cinco soldados do Mali no norte do país, na explosão de uma mina à passagem dos veículos em que seguiam.

Na semana anterior, cinco 'capacetes azuis' chadianos foram mortos e três ficaram gravemente feridos numa emboscada na região de Kidal, no nordeste do Mali.

O norte do Mali ficou em 2012 sob o controlo de grupos terroristas ligados à Al-Qaida. Os jihadistas foram afastados de grande parte do território por uma intervenção militar internacional, lançada em janeiro de 2013 por iniciativa da França, mas há ainda zonas que escapam ao controlo das forças estrangeiras e do Mali.

Lusa

  • Escritor e filólogo Frederico Lourenço distinguido com o Prémio Pessoa 2016

    Cultura

    O escritor, tradutor, professor universitário Frederico Lourenço foi distinguido com o Prémio Pessoa 2016. O anúncio foi feito hoje pelo presidente do júri, Francisco Pinto Balsemão, no Palácio de Seteais, em Sintra, sublinhando que a atividade de Frederico Lourenço tem como "traço singular" ter oferecido "à língua portuguesa as grandes obras de literatura clássica".

  • Governo garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo de ajuda alimentar
    1:18

    País

    O ministro da Solidariedade e Segurança Social garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo europeu de ajuda alimentar. Vieira da Silva respondeu, esta manhã, à notícia avançada pelo Jornal de Notícias que dava conta de que, este ano, o país teria desperdiçado 28 milhões de euros de um fundo europeu porque o programa ainda não está operacional. O ministro garante que o programa vai ser executado em 2017 e que este ano serviu para tomar medidas no sentido dessa implementação. Vieira da Silva assegura também que o montante disponível para o programa não foi desperdiçado e vai poder ser usado.

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Explosão no Cairo faz seis mortos

    Mundo

    Seis pessoas morreram hoje numa explosão junto a um posto de controlo da polícia no Cairo, indicaram os meios de comunicação social e responsáveis egípcios.