sicnot

Perfil

Mundo

Dez mortos no Bangladesh em atos de violência nas eleições locais

Pelo menos 10 pessoas morreram e milhares ficaram feridas em confrontos entre apoiantes de candidatos rivais às últimas eleições locais no Bangladesh, informou hoje a polícia local.

Níveis sem precedentes de violência e trocas de acusações entre apoiantes têm denegrido as eleições locais, realizadas em fases desde março, registando-se já um total de pelo menos 90 mortes, segundo a mesma fonte.

Durante a última ronda de votação no sábado, três pessoas foram mortas no distrito de Jamalpur e outras sete foram mortas em vários outros locais espalhadas pelo país, disseram as autoridades policiais.

Em Jamalpur, centenas de apoiantes do partido Awami League (AL), no poder, entraram em confronto armado com os rivais: "Três pessoas morreram. Eles tinham marcas de bala e lesões de seta", afirmou o polícia chefe de Jamalpur, Shariful Haq, à agência AFP.

Lusa

  • Dez feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    Uma embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia. O barco foi entretanto retirado da água e a marginal continua cortada ao trânsito.

  • PS apresenta Lei de Bases da Habitação para abrir debate sobre habitação acessível
    1:19

    Economia

    O PS quer avançar com uma Lei de Bases da Habitação. A proposta apresentada esta quinta-feira propõe a requisição de casas devolutas para habitação e apoios concretos para o arrendamento a preços acessíveis. O líder parlamentar do PS, Carlos César, diz que é tempo de abrir um debate sobre a habitação que acredita que pode resultar numa Lei ainda na atual legislatura.

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.