sicnot

Perfil

Mundo

Polícia indiana prende dois suspeitos após violação e enforcamento de jovem

A polícia indiana informou hoje ter prendido dois homens por suspeita de violação de uma adolescente, cujo corpo foi encontrado pendurado numa árvore, num caso idêntico a um outro ocorrido no mesmo Estado.

Arquivo reuters

A menina, que teria 15 anos e pertenceria a uma das mais baixas castas sociais, foi estrangulada -- alegadamente por três homens -- na noite de sexta-feira, fora da sua aldeia, no Estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia.

O corpo da rapariga foi encontrado na manhã seguinte pendurado pelo seu lenço numa árvore, a aproximadamente um quilómetro da sua casa no distrito de Bahraich, indicou o superintendente da polícia Salik Ram Verma, à agência noticiosa AFP.

Dois homens foram detidos e "um terceiro encontra-se em fuga", disse.

A rapariga deixou a sua casa para secretamente se encontrar com um dos homens, descobrindo depois que ele levara dois amigos, que a atacaram.

"Quando a menina resistiu, foi violada e depois estrangulada. Para fazer com que parecesse um caso de suicídio, penduraram o corpo dela numa árvore", acrescentou o mesmo responsável.

Quatro polícias locais foram entretanto suspensos devido à falta de ação inicial relativamente ao caso, que desencadeou a indignação dos moradores.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19