sicnot

Perfil

Mundo

Polícia indiana prende dois suspeitos após violação e enforcamento de jovem

A polícia indiana informou hoje ter prendido dois homens por suspeita de violação de uma adolescente, cujo corpo foi encontrado pendurado numa árvore, num caso idêntico a um outro ocorrido no mesmo Estado.

Arquivo reuters

A menina, que teria 15 anos e pertenceria a uma das mais baixas castas sociais, foi estrangulada -- alegadamente por três homens -- na noite de sexta-feira, fora da sua aldeia, no Estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia.

O corpo da rapariga foi encontrado na manhã seguinte pendurado pelo seu lenço numa árvore, a aproximadamente um quilómetro da sua casa no distrito de Bahraich, indicou o superintendente da polícia Salik Ram Verma, à agência noticiosa AFP.

Dois homens foram detidos e "um terceiro encontra-se em fuga", disse.

A rapariga deixou a sua casa para secretamente se encontrar com um dos homens, descobrindo depois que ele levara dois amigos, que a atacaram.

"Quando a menina resistiu, foi violada e depois estrangulada. Para fazer com que parecesse um caso de suicídio, penduraram o corpo dela numa árvore", acrescentou o mesmo responsável.

Quatro polícias locais foram entretanto suspensos devido à falta de ação inicial relativamente ao caso, que desencadeou a indignação dos moradores.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.