sicnot

Perfil

Mundo

Atletas podem continuar a correr na gravidez

É seguro as atletas continuarem a correr na gravidez, sustenta um estudo publicado na revista British Journal of Sports Medicine. O relatório afirma que as atletas que continuam a correr quando engravidam não têm mais riscos de vir a desenvolver complicações na gravidez nem deformações nos fetos.

ap

"Há apenas alguns estudos de qualidade sobre a gravidez nas atletas de elite ou nas que fazem muito exercício. Muitas fazem-no e isso não as afeta de forma negativa", afirma a professora Kari Bo, da Universidade Norieguesa de Ciências Desportivas.

O estudo foi encomendado pelo Comité Olímpico Internacional e vai ser publicado em cinco partes no British Journal of Sports Medicine.

As mulheres grávidas têm uma melhor regulação da temperatura e maior capacidade cardiovascular. As alterações hormonais podem fazê-las sentir mais flexíveis nas articulações e o aumento da concentração de glóbulos vermelhos significa mais oxigénio no organismo.

Estudos indicam que as atletas de elite que treinam durante e depois da gravidez podem aumentar entre 5 a 10% o seu consumo máximo de oxigénio nos meses a seguir ao parto.

"As mulheres atletas têm uma óptima distribuição do sangue, pelo que o exercício não parece fazer mal ao feto. Ao mesmo tempo, é óvio que a placenta é melhor nutrida quendo se faz exercício", explica Kari Bo.

O exercício aeróbico e de força, reitera o estudo, reduz o risco de diabetes e aumenta o bem estar psíquico.

O melhor, sustenta, é cada mulher saber qual o seu limite e parar ou diminuir o exercício quando - ou se - não se sentir confortável.

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.