sicnot

Perfil

Mundo

Descobertas 40 crias de tigres mortas num templo na Tailândia

As autoridades tailandesas descobriram hoje 40 crias de tigre mortas no interior de um templo conhecido por utilizar este tipo de felino como atração turística e denunciado há dois anos por ativistas como um centro de tráfico de animais.

Templo Pha Luang Ta Bua Yanasampann mais conhecido como o Tempo do Tigre na província de Kanchanaburi.

Templo Pha Luang Ta Bua Yanasampann mais conhecido como o Tempo do Tigre na província de Kanchanaburi.

© Chaiwat Subprasom / Reuters

As crias, que segundo imagens publicadas pelo portal Khao Sod morreram recentemente, foram descobertas por equipas do Departamento de Conservação dos Parques Naturais esta madrugada, juntamente com cadáveres de outras espécies protegidas.

Na segunda-feira, as autoridades iniciaram o resgate de 147 tigres alojados no recinto do templo Pha Luang Ta Bua Yanasampann, também conhecido como o Templo do Tigre, situado na província de Kanchanaburi, no oeste da Tailândia.

Até hoje, as autoridades resgataram 40 felinos (sete na segunda-feira e 33 na terça-feira), segundo o jornal.

O templo, aberto em 2001 com sete tigres, era uma atração para os turistas, que se passeavam e tiravam fotos com os animais, o que também era criticado por organizações defensoras dos animais.

Os tigres resgatados, alguns deles autóctones da Tailândia, serão levados para diferentes centros especializados no país.

Lusa

  • Ministra tem condições para ficar?
    1:57
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • Os testemunhos emocionados de quem perdeu quase tudo nos fogos
    2:10
  • A primeira moção de censura ao fim de quase dois anos
    1:42

    País

    O CDS-PP avançou com uma moção de censura ao Governo, perante o que chama de falha do Governo na proteção das pessoas. O PSD apoia a iniciativa. António Costa fala num ato natural da democracia. Esta é a primeira moção de censura que o Governo socialista enfrenta ao fim de quase dois anos de mandato.

  • "Agora é tempo de decidir e executar"
    1:27

    País

    O primeiro-ministro reuniu-se esta terça-feira com os autarcas das zonas mais afetadas pelos incêndios e visitou os feridos, que continuam internados no Hospital de Coimbra. António Costa diz que o tempo das respostas começa agora.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.