sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 11 mortos em atentado jihadista em Mogadíscio

Pelo menos 11 pessoas morreram, entre as quais vários deputados, num atentado hoje perpetrado com um veículo armadilhado contra um hotel da capital somali pelo grupo 'jihadista' al-Shebab, indicaram fontes policiais.

© Feisal Omar / Reuters

Na explosão e no tiroteio que se lhe seguiu, morreram os deputados Abdullahi Jaamac Kabaayne e Mohamed Mohamud Gure, e há mais três parlamentares feridos entre as 22 pessoas atingidas durante o ataque, precisou o porta-voz da polícia, Mohamed Madaxey.

O hotel Ambassador, no centro de Mogadíscio, sofreu hoje à tarde uma forte explosão ao ser atacado com uma viatura armadilhada e, em seguida, um grupo de cinco 'jihadistas' irrompeu nas instalações, relatou à agência de notícias espanhola Efe o deputado Omar Abdullahi Balash.

O grupo al-Shebab, ligados à Al-Qaida, reivindicaram este novo atentado na capital somali, onde nos últimos meses aumentou o número de ataques a diversos hotéis, restaurantes e instituições políticas, à medida que se aproximam as eleições que decorrerão este ano.

A Agência de Informações e Segurança da Somália (NISA, na sigla inglesa) resgatou do interior do hotel uma dezena de pessoas que em seguida foram transportadas para hospitais da cidade.

O ataque ocorreu apenas um dia depois de forças somalis terem matado o líder dos al-Shebab que planeou o ataque à Universidade de Garissa, no Quénia, Mohamed Kuno, numa operação coordenada com tropas norte-americanas.

O ato terrorista de hoje em Mogadíscio registou-se também dias antes de o Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, aterrar na capital somali, esta semana, na sua terceira visita oficial ao país do Corno de África.

Em janeiro de 2015, Erdogan cancelou a visita que tinha agendada a Mogadíscio para assistir ao funeral do rei da Arábia Saudita, Abdallah bin Abdulaziz, só um dia depois de o al-Shebab ter atentado contra o hotel onde estava alojada a delegação turca na capital somali.

Lusa

  • "Fiz coisas de que me envergonho"
    2:31
  • Portugal é o segundo país da Europa com mais emigrantes
    1:39

    País

    São 2,3 milhões os portugueses que vivem no estrangeiro, ou seja, 22% da população. O último relatório do Observatório da Emigração relativo a 2015 mostra que se manteve o mesmo número de saídas de Portugal para o estrangeiro registadas no pico atingido em 2013: acima das 110 mil por ano. O Reino Unido é o principal país de destino.

  • Descoberta produção de canábis em abrigo nuclear 

    Mundo

    A polícia britânica descobriu, no sul de Inglaterra, um antigo abrigo nuclear subterrâneo adaptado à produção de canábis em grande escala. A operação levou à detenção de cinco homens e um adolescente de 15 anos. Foram também apreendidas milhares de plantas de canábis.

  • Carnaval na Almirante Reis
    2:39

    País

    Lisboa também celebra o Carnaval e esta manhã mais de três mil crianças participaram num desfile pela Avenida Almirante Reis, alunas de escolas públicas e privadas de 24 nacionalidades. Na freguesia de Arroios vivem estrangeiros de 79 nacionalidades.