sicnot

Perfil

Mundo

Português retido em Timor diz estar a ser alvo de uma injustiça

Português retido em Timor diz estar a ser alvo de uma injustiça

O português retido em Timor há quase 20 meses em Dili, escreveu uma carta aberta às mais altas instâncias timorenses. Tiago Guerra diz estar a ser alvo de uma injustiça e pede às autoridades judiciais quem concluam as investigações com um arquivamento ou uma acusação do caso. O português, que já esteve detido 8 meses preventivamente, e a mulher são arguidos do processo que investiga branqueamento de capitais.Em causa está um depósito de 860 mil euros na conta bancária da empresa de consultoria do arguido.

  • Incêndio lavra na Serra da Estrela
    1:44
  • Ribeira de Pena passa noite em claro
    1:32

    País

    Em Vila Real, as chamas levaram ontem ao corte da A7, no troço entre Ribeira de Pena e o Arco de Baúlhe. Foi uma noite em claro, com vários focos de incêndio.

  • Um encontro português (e inesperado) em alto mar
    2:38