sicnot

Perfil

Mundo

Turista sob o efeito de droga morre por beber água demasiado rápido

Uma turista morreu em Amsterdão por ter bebido muita água em pouco tempo, quando estava sob o efeito de drogas, avançaram hoje vários órgãos de comunicação holandeses.

© Shannon Stapleton / Reuters

O cadáver foi encontrado hoje no hotel onde a vítima estava alojada, perto do Museu Van Gogh, na capital holandesa.

Fontes da polícia indicaram ao jornal Telegraaf que a turista ingeriu "muito mais do que dois litros de água", num curto espaço de tempo.

Beber uma alta quantidade de água em pouco tempo provoca a diminuição acentuada do sal no sangue e a inchação das células. Quando também as células cerebrais são afetadas, pode incorrer-se num coma ou morrer.

Os consumidores de ecstasy estão propensos a este tipo de intoxicação, pois a substância provoca desidratação e secura da boca.

Lusa

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52