sicnot

Perfil

Mundo

Aliança liderada pelo Podemos poderá ultrapassar socialistas nas eleições espanholas

A coligação de esquerda liderada pelo Podemos poderá ultrapassar os socialistas na repetição das eleições gerais que se realizam em Espanha a 26 de junho, segundo três sondagens hoje divulgadas.

© Andrea Comas / Reuters

As sondagens hoje publicadas pelos diários El Pais, El Mundo e Espanol indicam que o Partido Popular do primeiro-ministro conservador, Mariano Rajoy, está, no entanto, em primeiro lugar com 27,7% a 31% dos votos, aquém da maioria parlamentar.

Este resultado é comparável ao que o Partido Popular (PP) espanhol obteve a 20 de dezembro nas eleições gerais (28,7%) e que não permitiu que houvesse uma maioria parlamentar e se formasse um governo.

Os socialistas do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), contudo, poderão descer do segundo para o terceiro lugar, com 20,2% a 21,6% dos votos, enquanto a aliança Unidos Podemos, que congrega o Podemos e a Esquerda Unida, poderia alcançar entre 23,7% a 25,6% dos votos.

Os socialistas há muito tempo lideram a esquerda em Espanha, mas têm vindo a perder apoio desde as eleições gerais de 2011, quando foram afastados do poder pelo Partido Popular.

Em dezembro passado, os socialistas obtiveram 22% dos votos, logo seguidos pelo Podemos com 20,7%.

O Podemos, partido que apoia o Syriza na Grécia, formou em maio uma aliança com a Esquerda Unida, para concorrer em conjunto às eleições de 26 de junho.

O partido centrista Ciudadanos poderá alcançar entre 14%a 16,6% dos votos, segundo as sondagens hoje divulgadas pelos três jornais espanhóis, quando em dezembro de 2015 obteve 13,9% dos votos.

O Podemos liderado por Pablo Iglesias e os seus aliados da Esquerda Unida tem vindo a adotar um tom mais conciliador com os socialistas, o que poderá vir a facilitar a formação de um governo depois das eleições.

Se os resultados das sondagens se confirmarem nas urnas, a 26 de junho, os socialistas terão de enfrentar "uma escolha difícil", de acordo com os três diários espanhóis.

Ao terem de apoiar o Partido Popular para formar governo, os socialistas correm o risco de alienarem os apoiantes mais à esquerda e se apostarem num governo do Podemos estarão a comprometer o apoio dos seus eleitores mais ao centro.

A Espanha está a ser governada por um executivo de gestão, com poderes limitados, desde 20 de dezembro passado.

As três sondagens eleitorais realizaram-se entre 31 maio e 3 de junho.

Lusa

  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.

  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57